segunda-feira, 1 de setembro de 2008

Novela das oito


Estas eleições americanas começam cada vez mais a se parecer com uma novela mexicana. Após uma série de boatos maldosos difundidos, afirmando que o filho mais recente de Palin (que tem síndrome de Down) fosse na verdade seu neto, foi revelado hoje que Bristol Palin, a filha de 17 anos de Sarah, está grávida e vai ter a criança.

Embora isso acabe definitivamente com os primeiros e absurdos boatos, cria sem dúvida alguns problemas para a campanha Republicana. Sarah Palin não é perfeita, afinal.

Não se sabe ainda como essa história se refletirá nos votos. Criará rejeição nos mais conservadores, ou ajudará os moderados a ter maior empatia?

De minha parte, ressalto apenas o incrível ódio que a esquerda parece ter da pobre Sarah Palin. Mal ela foi nominada e saem quinhentas histórias e acusações sobre a pobre mulher, desde acusá-la de negligenciar o parto do seu filho a ser uma radical contra a pílula e a camisinha (não é verdade, basta dizer que ela faz parte de uma organização chamada Feminists for Life).

Curiosamente, os maiores ataques contra a gravidez da filha adolescente de Palin não vêm de cristãos conservadores, que aceitam o fato sem muitos problemas, mas sim por parte dos ditos progressistas, que em teoria são a favor de cada um decidir o que quiser em matéria sexual.

Tais ataques reverterão contra os próprios Democratas, tanto que o próprio Obama já pediu que se deixasse a família de Sarah Palin de fora do furacão de críticas.

Atualização: Depois da Obamania, vem a Palinmania. Buscas no Google pelo nome de Sarah Palin, que anteontem davam apenas alguns milhares, hoje chega a quatro milhões. E o interesse da mídia apenas começou.

2 comentários:

chest disse...

é o desespero. Obama não pode perder midia, pois é só vento, a la pastel do centro do Rio de Janeiro

Mr X disse...

O Obama até qu seria um bom rapaz, não fossem as más companhias socialistas que o desencaminharam. :-)