domingo, 31 de agosto de 2008

Poema do domingo

Hope is the thing with feathers
That perches in the soul,
And sings the tune without the words,
And never stops at all,

And sweetest in the gale is heard;
And sore must be the storm
That could abash the little bird
That kept so many warm.

I've heard it in the chillest land,
And on the strangest sea;
Yet, never, in extremity,
It asked a crumb of me.

Emily Dickinson

6 comentários:

markus disse...

Caro amigo Mr X, é um pouco off topic, mas gostaria de lhe enviar um link com uma pesquisa sobre a coexistencia entre arabes e israelenses, acredite muitos q os eskerdistas caem diante dessa pesquisa:
http://content.ksg.harvard.edu/leadership/images/CPLpdf/coexistence%20in%20israel.pdf

a moça que gosta* disse...

"yet, never, in extremity
it asked a crumb of me"


que barato...emily falando de esperança,que nunca morre, que autoriza todos os sonhos, esperança poderosa que move montanhas e bla bla bla, emily e seu santinho na carteira...mas como é lindo !

merci,chose...

Mr X disse...

Coloquei pra vc, conf. :-*



Insonia... :-/

a moça que gosta* disse...

( tadin....levanta logo e começa o dia mais cedo ! faz um café, come um pain au chocolat...)

( o amazing ta otimo, pena que continue "confidencial", so poucos conhecem....)

leu o spengler falando de michèle obama ? fresh né...

tenho editado essa eleiçao, mas pessoalmente completamente desinteressada ! nem obama nem mcsame, tirando coelhinhos do chapéu furado , conseguem acordar minha er...libido ! :-))


c'est la rentrée aujourd'hui, chose ! bonne rentrée...

Anônimo disse...

Mesmo com meu ingles precario, fez-me bem ler o poema ou fazem-me bem os primeiros sinais da primavera.
É isso ai, MX. Teu blog tá muito bom.


Glauco

Mr X disse...

Obrigado pelos elogios!

O blog já pulou para PageRank 4!

Vou dar uma olhada nesses links aí, valeu.