terça-feira, 4 de março de 2008

Tambores de guerra na América Latina

Se os nossos governantes e "analistas de política internacional" fossem em vez disso comediantes ou palhaços de circo, poderiam usar melhor seu talento nato, e nosso triste continente seria sem dúvida mais alegre.

Vejam a cômica situação:

A Colômbia matou Raul Reyes, o atual nr. 1 das FARC (o Marulanda, até prova contrária, está morto e enterrado), em território equatoriano. O Equador reclamou, e o Chávez lá na Venezuela, por algum motivo, reclamou também.

Temos um grupo terrorista (ou guerrilheiro, chame como quiser), as FARC, que age na Colômbia mas, como lá é perseguido pelo governo linha-dura do Uribe, encontra guarida e apoio financeiro nos vizinhos socialistas Venezuela e Equador. Chaves e Correa, além de fazer vista grossa aos que entram e saem (e à cocaína que entra e sai) dão apoio logístico e dinheiro às FARC. Embora gente como o Olavo de Carvalho já falasse isso há anos, só agora o governo colombiano anunciou ter provas capturadas no computador do Reyes. As provas são cada vez mais contundentes; quem não acredita, que visite o site do Reinaldo Azevedo ou o jornal colombiano El Tiempo.

Ora, Equador e Venezuela financiam, protegem e armam um grupo terrorista que age na Colômbia, e ainda acusam o país de interferir em sua soberania. É muita cara de pau!

Mas não acaba aí. A Argentina se alinhou com a Venezuela e Equador. Claro: Cristina Kirchner recebeu dinheiro do Chávez para a campanha (e o marido Kirchner participou da primeira, e fracassada, campanha de "liberação" de reféns). Hoje mesmo saiu uma notícia sobre outro venezolano envolvido no chamado escândalo das malas.

A relação do Brasil (que também se posiciona em "solidariedade" com o Equador) com a história é mais difusa. Há acusações que Lula também teria recebido dinheiro de Chávez e das FARC. Não duvido. Mas a recente notícia é bastante mais grave: dizem que o Brasil estaria secretamente enviando armas em aviões da TAM para o Palácio de Miraflores. Armas, não para o exército, mas para Chávez proteger-se de possíveis golpes.

A notícia prenuncia uma possível guerra civil na Venezuela. Talvez tal evento seja mais provável do que uma guerra aberta entre Venezuela e Colômbia. Um dos articulistas de El Tiempo observa que as tropas venezolanas e equatorianas estão posicionadas só em certas regiões de suas fronteiras... que coincidem com a zona ocupada pelas FARC. Não estão protegendo seus países, estão protegendo as FARC de possíveis futuros ataques colombianos.

Agora o presidente do Equador diz que Ingrid Bitencourt estava "prestes a ser libertada". Ué, por que não foi? A cara de pau dessas pessoas é imensa. Assustadora.

Para desespero dos revolucionários de butique, as FARC foram feridas de morte e o projeto utópico socialista latino-americano também sofreu um duro revés. A máscara caiu. Se Chávez insistir em guerra aberta com a Colômbia possivelmente enfrentará uma guerra civil ou golpe na Venezuela, e conseqüente caos.

6 comentários:

Fred disse...

Companheirinho

" Se os nossos governantes e "analistas de política internacional" fossem em vez disso comediantes ou palhaços de circo, poderiam usar melhor seu talento nato, e nosso triste continente seria sem dúvida mais alegre. "

Não entendi.

Provas?

Xisinho, voce quer convencer?

Provas iguais as das armas biológicas de exterminação em massa do Iraque?

Provas só valem quando feitas por idôneos, como o relatório da ONU, dizendo que não havia armas de destruição em massa.

Apesar de achar voce correto neste caso, seus argumentos são infantis e como sempre voce aproveita e faz seu exercício diário de descrédito ao governo Lula.

O destrambelhado do Chavez que quer implantar o socialismo a força no continente, conspira ou respira isso o dia todo, acho que até dormindo o faz e assim como o Chest é um sociopata.

Ja descacetou no Lula, que o salvou da encrenca da gasolina, veja só, o Chavez foi salvo pelo Lula, mas como o Lula não aceita todas suas idéias revolucionáris, ele hora e meia, fala sarcasticamente do Lula. Sociopata.

Mandar alguém ir toda hora no blog do Fulano ou Cicrano, não leva a nada.

Basta sae fazer uma retrospectiva do comportamento do destrambelhado do Chavez, que voce vai mostrar tudo direitinho que voce acha, sem perder a credibilidade ao mentirosamente acusar o governo brasileiro de palhaço, porque a realidade é que o Governo Lula está a anos luz de aprovar o Chavez, apesar de uns poucos amigos e mal informados assim o pensar.

Mr X disse...

Freddy

Não quero convencer ninguém, só noticiar as coisas que me interessam, sob meu ponto de vista, é claro.

Um abraço,

Fred disse...

Companheirinho

Só te digo uma coisa.

Voce é um cara muito legal. tens uma paciência comigo de admirar. As vezes fico até com pena de voce, por ter que me aturar.

beijão

chest disse...

Muito bom o post, e o Fred, numa rara demosntração de inteligencia, elogia sua paciência ....Fred, vai lavar um tanque de roupa!

Fred disse...

chest

nosso sociopata de plantão, beijão na careca

Rodrigo disse...

Por que o PT não condena as FARC, eram colegas:

http://web.archive.org/web/20020802023245/http://www.forosaopaulo.org/

Agora querem dizer que o Foro nunca existiu.