segunda-feira, 18 de fevereiro de 2008

E mais uma vez...

Já foram várias as vezes que os aiatolás iranianos prometeram a destruição de Israel, mas acho que esta é a primeira vez que se acena diretamente com a destruição através de armas atômicas:

Mohammed Jafari, líder da Guarda Revolucionária, lamentando a morte do terrorista-mor do Hizballah, declarou:

"Estou convencido que a cada dia o poder do Hizballah aumenta e no futuro próximo assistiremos à desaparição desse câncer chamado Israel, através da terapia de radiação do Hizballah".

O que eu acho que ele está dizendo é que os iranianos vão dar um míssil atômico para o pessoal do Hizballah jogar contra Israel. Pode ser só a retórica barata dos muçulmanos. O mundo não está danto muita atenção. Será que o Olmert está ouvindo?

3 comentários:

chest disse...

vai sobrar para uns tais....

Fred disse...

Esse assunto, tratado do jeito como tem sido feito, se é que tem jeito, só vai esquentando.
Só rezanedo, porque a intolerância humana é algo que só costuma acabar depois de sofrimentos extremos.
Triste.

Arnoud disse...

Mr. X os terroristas são loucos mas sabem muito bem o que aconteceria num caso desses. A única chance deles vencerem neste jogo seria transformar Israel, inteiro, em pó de uma vez só. Coisa que eles não podem fazer. E mesmo assim, os aliados de Israel não iriam deixar nem um pouco barato.

Por outro lado, manter a situação como está é muito útil para eles. Por que mudar?

Abraços!