segunda-feira, 18 de fevereiro de 2008

Ascher, ótimo

Um ótimo texto do Nelson Ascher, em visita ao blog do Reinaldo Azevedo.

Nelson Ascher, poeta e articulista, tem coluna semanal na Folha (acesso infelizmente restrito), e também escreve às vezes em inglês no Pajamas Media.

O texto pode ser lido completo no link indicado acima. Pros preguiçosos, reproduzo aqui apenas dois trechos, um sobre o Said, um sobre o aquecimento global:

Ele elogia também a coragem do roqueiro por ter assinado o manifesto em defesa do “palestino” Edward Said. Bom, como você sabe, eu não ataquei o Said, mas suas idéias e sua atuação enquanto membro graduado da organização terrorista chamada OLP e “ghost writer” de Iásser Arafat. Quanto à coragem dos signatários (cujo direito a assinar o que quiserem sou o primeiro a defender), esta deve, segundo o missivista, ter sido de fato descomunal. Imagine os riscos que os 180 e tantos corriam ao se oporem a mim. Meu Deus, eles punham a vida, o bem-estar e sei lá mais o quê em perigo. Desafiar abertamente os aiatolás no Irã, o Fidel em Cuba, o Taleban no Afeganistão ou o finado Saddam Hussein no Iraque (quando os dois últimos, para alegria do missivista, ainda estavam no poder) requereria, no máximo, um milésimo daquela coragem. Como diria Paulo Francis: waaaallll!

* * *

PS. Um outro leitor (este civilizadamente) defende a paranóia ambientalista recorrendo ao princípio precaucionário, quer dizer: se existe uma probabilidade, por menor que seja, de o risco ser real, então devemos tomar todas as precauções contra ele o mais cedo possível. Ora, se todos os homens saudáveis do mundo se castrarem ou, melhor, retirarem cirurgicamente suas próstatas, e todas as mulheres saudáveis amputarem os próprios seios, o risco de cânceres de próstata e seio declinará decisivamente. Esta seria, é claro, a precaução mais eficiente. Mas alguém se candidata? Num mundo de recursos limitados, qualquer precaução tem seu preço, e este só pode ser avaliado em face dos custos do perigo específico.
Se o Protocolo de Kyoto foi inútil, a coisa não fica só num “que pena, vamos tentar outra solução”. Kyoto custou uma fortuna aos contribuintes de vários países (não às companhias, que não perdem lucros, porque transferem os custos para o consumidor), uma fortuna que poderia ter sido aplicada em diversas outras coisas.

16 comentários:

chest disse...

texto realmente magistral.

confetti, guaranà disse...

je passe mon tour !

Pax disse...

Não li o texto todo, mas essa parte que compara a questão das influências antropogênicas no meio ambiente com próstatas e seios é bastante imbecil.

Fred disse...

O cancer de mama ou o de próstata são facilmente detectáveis, ambos por meio de toque, ambos quando detectados a tempo tem quase como certo a cura.
Parece que ja se conclui que o cancer tem características genéticas.
Uns tem e outros não tem gens que levam a certas doenças.
Hoje a prevenção passa até por avaliação genética .
Simples e eficiente.
De qualquer forma ambos tem sintomas que podem ser percebidos por especialistas e pelos próprios portadores, como apalpação da mama no caso do cancer de mama, falta de ereção, dificuldade em urinar no caso do cancer de próstata.
O engraçado é que foi constatado que quem fuma tem mais propenção a estes tipos de cancer e outros.
Por isso cada vez mais as pessoas estão parando de fumar.
Ou seja estão se prevenindo de modo adequado, sem necessitarem tirar a mama ou a próstata.
Na natureza os seus estudiosos, especialistas, vem, a mais de 30 anos, alertando para as mudanças metereológicas no planeta.
Os indícios, cada vez mais visíveis são furacões, tornados, diminuição das geleiras, elevação dos níveis dos mares, aquecximento global etc, são sinais iguais aos nódulos da mama, a falta de ereção e dificuldade em urinar.
Entende quem quiser.

Ou puder.

Nosso amigo aí do artigo no mínimo mostra a todos sua total ignorância do assunto.

Com argumentos totalmente furados leva um conceito errado aos mais ignorantes que ele.

Porque aos mais esclarecidos passa sómente por tolo.

chest disse...

Pax, não segue a ondq do Fred que é uma demonstração de ignorância e falta de inteligência. Fred, eu tento me controlar para não xingar você há algumas semanas, mas você é um ativista da ignorância.

Óbvio que a analogia é válida, pois os ambientalistas propõem um suicídio coletivo para tratar de problemas reais e fictícios. Como curar o cancer matando o paciente.

chest disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Mr X disse...

Calma, gente, não briguem! :-(

O negócio do câncer é só uma comparação, não pra ser levada literalmente.

Acho que vale a pena ler o texto todo, até por toda a questão que ele fala sobre o Edward Said, e o boicote que sofreu, etc.

E, independentemente do que se acha do aquecimento global, acho saudável ouvir vozes do pró e do contra também.

Pax disse...

Pô Chest, você tá impotente e gordo? Tadinho.

Mr X, aqui vc não quer briga mas lá no PD xinga até a mãe e enfia dedo no olho?

Acho que você é um comunista ambientalista frustrado, em casa tem camisa do Che e uma horta orgânica. Confessa !!!

Mr X disse...

Eu xingo a mãe de quem, Pax? :-( Nunca xingo ninguém, e além disso aqui é minha casa, só brigo na dos outros pra não espantar a freguesia, kkkk.

Kct disse...

"O cancer de mama ou o de próstata são facilmente detectáveis, ambos por meio de toque..."

Sem problemas, basta achar um urologista bem magrinho! :-\

chest disse...

Pax, realmente pelo contrário.
Tem que parar com este papo aranha, caramba. O mundo vai acabar, as geleiras, os furacões, o sol, a chuva. Histeria sem fim.
Na Groenlandia tem tanto gelo este anos, que os ursos estão passando fome.

chest disse...

Mr X, o Pax me chamou de gordinho e impotente, estou chateado. Você não vai tb excluir o comentário dele? Gugu, dada.....

Se este blog virar coisa de viado, tê fora.

Mr X disse...

Ok, Chest.
Decidi que não vou mais apagar comentários, até por isso diz lá em cima que é um blog sem moderação.
Agressões justas ou injustas, lamentavelmente não posso ficar policiando, ou então efetivamente teria que apagar também os comentários do Pax, etc.
Pediria só, se possível, que todos tentem manter a civilidade e tentar não partir para as agressões pessoais. Pois prejudicam o debate e o próprio bem-estar.

Mr X disse...

p.s. E Pax,
Comunista frustrado é a vovozinha! :-P

Mr X disse...

(Só pra me contradizer)

chest disse...

acho melhor retirar as crianças da sala quando a conversam é de adultos...e os retardados tambem.