sábado, 20 de abril de 2013

Você já foi à Chechênia?

Então. Os terroristas de Boston eram chechenos. Um morto, um capturado. Muçulmanos, é claro. Mas não é de todo certo que a religião tenha sido o principal motivo. Na verdade, embora importante, eu acho que foi apenas um motivo acessório, uma justificativa para um ato que teve mais a ver com outras questões.

O irmão maior parecia ser o mais fanático religioso, e o mais envolvido com grupos terroristas. No entanto, era casado com uma americana branca e tinha uma filha pequena. Já o jovem de 19 anos, que está agora em custódia policial, dizia que não tinha amigos americanos, que não os entendia. Parecia ser mais isolado. A família deles tinha retornado ao Daguestão (embora chechenos de nascença, cresceram na região vizinha).

Bem, é bastante claro que eram jovens que mesmo morando há vários anos no país, um deles até tendo ganho uma bolsa de estudos de uma importante universidade americana, não se adequaram de todo à vida na América. Ou, pensando bem, adequaram-se extremamente bem.

Afinal, o que é a vida na América, hoje em dia? A América é o multiculturalismo, é uma cultura superficial, é um país para onde a maioria das pessoas vai apenas para ganhar dinheiro, e não por interesse em, digamos, sua culinária, suas tradições ou o exemplo de Thomas Jefferson.

É verdade também que a vida de um imigrante nem sempre é fácil. Eu sei disso. Os imigrantes nem sempre são bem tratados. Muitos, na verdade, são explorados: a elite empresarial beneficia-se deles pois pode contratá-los a preço mais baixo que os locais. Aliás, grande parte da razão para a imigração na América e em outros países é por conduzir a uma redução de salários (lei da oferta e demanda), o que beneficia os empregadores. Se eles forem ilegais ou tiverem vistos temporários, melhor ainda. Podem receber ainda menos dinheiro, e serem expulsos quando não servirem mais!

Mas, de um modo mais amplo, muitos imigrantes sentem-se isolados culturalmente. A América pode ser um país cruel. O Robert Lindsay, que é um maluco idiota de esquerda e acha que o governo americano é "de direita", no entanto escreveu uma descrição interessante (ainda que totalmente negativa) da cultura materialista do país, em especial no que se refere às relações entre os sexos e nas expectativas materialistas das mulheres, o que leva muitos homens à loucura.

Isso ajuda a explicar os vários atiradores loucos que de vez em quando aparecem no país. A maioria deles, jovens sem namorada ou com problemas de relacionamento.

O assassino coreano de Georgia Tech também sentia-se confuso. Era louco, é verdade, mas o sentimento de isolamento pode ser um poderoso elemento que conduz a surtos psicóticos. Se tivesse permanecido na Coréia com sua família, isso não teria acontecido.

A mesma coisa pode ter acontecido com os jovens terroristas de Boston. O isolamento ou algum outro motivo levou-os a uma aproximação com o terrorismo islâmico, que é um poderoso catalisador da raiva.  O Hans Magnus Erszenberger uma vez escreveu um bom artigo sobre isso, "O perdedor radical". Cada vez mais estamos entrando numa era em que os motivos importam menos, e importa mais a possibilidade que cada indivíduo tem de ser, individualmente, um terrorista. Sua vida justifica-se com a aparição na televisão e o sentimento de poder. Dois jovens de 19 e 26 anos, munidos apenas de armas e algumas panelas de pressão, pararam um país inteiro.

Algum dos leitores conhece a Chechênia? Eu vi um filme sobre a Chechênia uma vez, o ótimo "12", do Mikhalkov. Os chechenos são famosos por terem uma cultura machista, retrógrada e violenta. Muitos dedicam-se ao contrabando e ao crime. Brigas de facas na rua são normais. A tradição antes do casamento é seqüestrar a noiva, às vezes de forma violenta. Depois do casamento, a tradição é sair de carro dando tiros de Kalashnikov. Parece um país divertido.

Os americanos agora estão debatendo se vale a pena importar mais chechenos para a América: existem apenas 200 no país. É muito pouco! Os EUA precisam de bem mais. A diversidade é a força de uma nação.

Crianças chechenas brincando.

44 comentários:

Chesterton disse...

Me parece que colocar a culpa das mulheres não é razoável...

Julio disse...

É o capitalismo selvagem... o pior que a sociedade brasileira está a todo vapor na mesma direção...

Ataques, atentados, massacres serão comuns no brasiu daqui a alguns anos, isso devido a nossa sociedade ser dinheirista e implicitamente MUITO preconceituosa.

O blog que você citou que falou sobre a "relação entre os sexos", falou que as mulheres americanas são interesseiras natas...

Aqui no brasiu, eu percebi que a maioria das mulheres interessantes, jovens e adultas... são interesseiras... mulheres adolescentes só se vendem se forem incentivadas pelo pai, pela mãe ou por ambos...

Eu me abstenho da sociedade dinheirista, eu tenho o que comer, onde morar, e tento as fêmeas... não tenho amigos (acabei descobrindo algumas coisas), tenho apenas conhecidos...

Aqui no meu bairro, eu e mais um cara somos bem recebidos pelas pessoas em geral... ele pelo dinheiro e eu pela minha aparência (antes eu pensava que era pelo meu "carisma").

Mr X disse...

"Me parece que colocar a culpa das mulheres não é razoável..."

Bom, isso é o que o Lindsay disse, não eu. Ele que deve ter tido alguma história ruim. Eu não tive experiências nesse sentido, ao contrário. Mas cada um, cada um.

Mr X disse...

Quanto aos terroristas, um deles era casado com uma moça bonita, que até se converteu ao Islã por causa dele, portanto, não dá mesmo pra colocar a culpa no desinteresse feminino ou em nada disso.

Ao menos no caso desse irmão acho que o motivo foi mesmo a religião.

Autor Desconhecido disse...

Barbara cadê você???

Autor Desconhecido disse...

http://www.timesofisrael.com/respected-polish-professor-reveals-anti-semitic-views/

Chesterton disse...

eu percebi que a maioria das mulheres interessantes, jovens e adultas... são interesseiras...

chest- essas mulheres querem caras interessantes, jovens e inteligentes. Inteligentes o suficiente paras ganharem a propria vida. Essas mulheres tambem poderia reclamar que os homens só querem mulheres bonitas e jovens, as gordas feias ficam sobrando. É em qualquer lugar livre um "mercado", as pessoas são livres para se relacionar e sempre haverá a parte abandonada, desprezada, reseentida, em ambos sexos. é, portanto, um argumento falacioso.

(Mister, sim, a opinião não é sua, eu li o texto que você linkou).

Na minha opnião, a mãe maluca tem um grande papel nesta bosta toda.

Autor Desconhecido disse...

http://neuropolitics.org/

Direita,
acho que você vai gostar.

AF disse...

Então. Os terroristas de Boston eram chechenos. Um morto, um capturado. Muçulmanos, é claro. Mas não é de todo certo que a religião tenha sido o principal motivo. Na verdade, embora importante, eu acho que foi apenas um motivo acessório, uma justificativa para um ato que teve mais a ver com outras questões.

Corretismo político detected!

Mr X disse...

Eu acho que é bem simples, mulheres jovens e bonitas gostam de caras jovens e bonitos, ou então de ricos e famosos de qualquer idade. Homens gostam de mulheres jovens e bonitas, e ponto. Riqueza, inteligência ou reconhecimento social são secundários.

Mas isso é universal independente do que você for. Há também homens mais velhos ou pobres que gostam de mulheres jovens e bonitas, e mulheres gordas e feias que gostam de homens jovens, bonitos, famosos e ricos. Mas como não podem competir com os outros, fica difícil. É chato, mas é a vida. A vida é injusta, mesmo.

Por sorte, nem tudo é beleza ou riqueza na vida. Aliás, o mais importante de tudo é você conseguir alguém de bom gênio e boa compatibilidade.

Beleza passa, e riqueza muitas vezes também. Caráter e personalidade permanecem.
#ficaadica

Mr X disse...

"Corretismo político detected!"

Olá AF,

Não estou minimizando que fossem muçulmanos, é claro que teve a ver. Mas acho que, mesmo pra terroristas muçulmanos, eles foram meio atípicos, não? Eram jovens com estudo, vidas (aparentemente) razoavelmente boas, e Chechênia? A briga dos chechenos é com os russos.

Se bem que parece que no fim todo mundo termina odiando a América, de um jeito ou de outro. Até esses caras, para quem a América deu tudo, de cidadania a bolsa de estudos.

AF disse...

Ok Mr. X,

É que deu a entender isso.

Acredito é que os mulçumanos em sociedades não islâmicas fingem se integrar a ela ou até gostam sem querer de certas coisas, mas continuam com o seu ódio e planejam ataques. Até fingir homossexualidade pode ser válido para eles.

Foi mais ou menos assim com os terroristas do 11 de setembro.

AF disse...

"Pessoas menos inteligentes tendem a ser mais conservadoras e preconceituosas

Não é nova a idéia de que o conservadorismo e o preconceito estão ligados umbilicalmente. Vários estudos já realizados chegaram a essa conclusão. A novidade é que o posicionamento conservador e o preconceito podem estar ligados à baixa inteligência.

Um estudo feito por pesquisadores de uma universidade de Ontario, no Canadá, chegou a conclusões bastante interessantes: adultos de baixo QI ou com dificuldades cognitivas tendem a ter atitudes conservadoras e preconceituosas (racismo, homofobia, machismo etc).

O estudo foi dirigido pelos pesquisadores Gordon Hodson e Michael A. Busseri, do departamento de Psicologia da Universidade Brock, de Ontario, e foi publicado pela revista Psychological Science.

Os dados levam a crer que as pessoas menos inteligentes se sentem atraídas por ideologias conservadoras porque estas exigem menos esforço intelectual, pois oferecem estruturas ordenadas e hierarquizadas, onde o indivíduo pode se sentir mais confortável.

É bom deixar claro que inteligência nada tem a ver com escolaridade. Há vários exemplos históricos (como a Comuna de Paris ou a Revolução Russa) em que as classes mais baixas e com menos escolaridade se mostraram as únicas capazes de pensar de maneira progressista.

Hodson afirma que “menor capacidade cognitiva pode levar a várias formas simples de representar o mundo e uma delas pode ser incorporada em uma ideologia de direita, onde ‘pessoas que eu não conheço são ameaças’ e ‘o mundo é um lugar perigoso ‘…”.

A grande contribuição dessa pesquisa pode ser a criação de novas formas de combater o racismo e outras formas de preconceito. “Pode haver limites cognitivos na capacidade de assumir a perspectiva dos outros, particularmente estrangeiros”, entende Hodson, já que a crença corrente é que o preconceito tem origens emocionais, não cognitivas."

fonte:
http://livrepensamento.com/2013/04/09/pessoas-menos-inteligentes-tendem-a-ser-mais-conservadoras-e-preconceituosas/

O autor que postou essa "pesquisa" em seu blog, foi até provocativo, colocando já uma imagem de um nazista no topo, os comparando com conservadores... e depois de uma enxurrada de comentários, atualizou o tópico com desculpas esfarrapadas... mas também, o que esperar de um neo-ateu?

Outra "pesquisa" também:

"Right-wingers are less intelligent than left wingers, says study"

São mais pesquisas "científicas" das que colaboram e muito para acabar com o Ocidente. Claro que as pessoas que postam isso ignoram que nós conservadores fundamentamos o que dizemos com muitas pesquisas também e observações sérias, que mostram o quanto a homossexualidade, o aborto, feminismo e outras ideologias acabam com a pessoa e a nossa sociedade.

AF disse...

Essas pessoas também ignoram as pesquisas sobre o alto envolvimento de negros no crime e de homossexuais na pedofilia, mas coisas assim jamais serão postadas.

Ignoram que o QI da humanidade está é diminuindo cada vez mais, sendo que antes, quando a sociedade era mais "conservadora-de-menos-qi-homofóbica-nazista-de-extrema-direita", o QI "paradoxalmente" era muito maior.

Ignoram o falso uso da ciência, afinal há também pesquisas "científicas" propondo pedofilia, aumento da maioridade penal, das drogas, do incesto e muito mais e tem muita gente indo nessas falsas pesquisas que, como falei, ajudam e muito para acabar com o Ocidente. Afinal, muitos tem a ciência como uma deusa e acham que se é científico é porque é verdade.

O próprio Leonardo Bruno já falou sobre isso.

Sr. Vergara disse...

Não entendo mesmo. Os rapazes tinham Green Card, estudavam em faculdade prestigiada e tinham bolsa generosa.
Eles eram oficialmente mais inseridos do que os chicanos que cruzam a fronteiras trabalhando em qualquer coisa.
Fantástico esse poder de se colocar como "vítimas" em um país que ofereceu tanto a eles.
Vejo fenômeno semelhante em universidades brasileiras, com bolsa e subsídios nas quais os jovens falam tanto contra o "sistema" e o pobretão meio assalariado pensa justamente o inverso, que o governo faz muito por ele.

Pq uma maratona em Boston e não a embaixada russa? Eles queriam chamar atenção para o quê ou para O que eles poderiam fazer?

Não entendo mais nada.

Rodrigo Rocha disse...

Ciencia eh a religiao da nova ordem mundial.
E isso parece ser mais uma ponta do "TERRORISMO INTELECTUAL" citado por Jean Sevilla.
Escreve ele:"O terrorismo intelectual eh uma mecanica totalitaria. Injuria, execracoes, mentiras, amalgamas, inculpacoes e caca as bruxas , todos eses recursos sao empregados para dificultar qualquer debate sobre questoes essenciais para o futuro da sociedade."

Brancaleone, Fronteira Norte da República do Sul disse...

Faz tempo que tô dizendo que vai chegar a hora em que imigrante bom vai ser imigrante morto...

Brancaleone disse...

Cara, eu sou conservador mas o AF parece rótulo de Creolina Pearson!!

Chesterton disse...

Sobre esse assunto, na minha escola o pessoal do fundo da sala era de esquerda, quem sentava nas primeiras filas era conservador. Na faculdade então, só tinha um de esquerda, que era a caricatura da caricatura do Che Guevara tupiniquin e demorou muito para se formar.

Autor Desconhecido disse...

''Pessoas menos inteligentes tendem a ser mais conservadoras e preconceituosas''

É um assunto complicado devido à sua complexidade de análises. De fato, as pessoas mais inteligentes tendem a ser mais contestadoras. Então, por essa lógica, elas tendem mais do que as outras a contestar religião, regras sociais e até morais. Porém, existe umas ressalvas quando vemos essas pesquisas. A primeira coisa a se notar é a quantidade de pessoas que foram analisadas,se o grupo analisado foi escolhido aleatoriamente e terceiro, as médias encontradas. A média de qi dos ''mais inteligentes'' foi de 106, segundo o estudo do Kana, mas repare, está praticamente na média. A Rússia tem um qi médio 97, próximo da média de qi dos conservadores americanos, em torno de 95, segundo a pesquisa. A Rússia tem uma das maiores quantidades de gênios do mundo. Claro, o tamanho da sua população conta, mas com uma média 95, era pra se esperar menos brilhantismo. Além do fato de que a personalidade média dos russos ser diferente da personalidade média americana (selecionadas) outro fator é a distribuição do qi segundo a curvo do sino. Não importa tanto assim a média de qi de uma população, mas também se existe uma quantidade média a alta de gênios e a Rússia parece ser assim.
Outro fator interessante, no passado, ser contestador era ser socialista, ser contra a sociedade burguesa,capitalista e ''racista''.
E hoje???
Os esquerdistas tendem provavelmente a ser um pouco mais inteligentes que a média e que os conservadores, mas só um poquinho. São mais inteligentes e tendem a contestar, mas apresentam evidentes limites da sua capacidade de crítica e criatividade.
Eu li numa pesquisa e não consegui encontrar ainda, uma pena, de que os mais inteligentes nos EUA, tendem a ser de filiação política independente e ou tendem a escolher partidos minoritários tais como o tea party e hoje em dia o partido que o Kevin Mcdonald apoia.
Alguns fatos interessantes, aí embaixo tem um link que mostra que a Suécia, o país mais liberal do mundo, os conservadores tem qi mais elevado que os esquerdopatas, é aquela história, os inteligentes tendem a contestar a ordem totalitária vigente e neste país sabemos de onde vem o totalitarismo.
Eu tenho notado que os educadores, jornalistas e os psicólogos americanos,dos grupos mais liberais , apresentam médias de qi muito próximos entre si, entre 109-120. Não sei exatamente o que poderia tirar disso mas é interessante que exibam médias próximas. Talvez pessoas nesta faixa de inteligência tenham uma tendência de exibir uma capacidade limitada de contestação. Também poderiam ser mais individualistas que as pessoas de qi médio e mais baixo, mas como não são tão espertas, tenderiam a ser individualistas incompletos, ou seja, desejam a liberdade mas não sabem o que fazer com ela.

http://blogs.discovermagazine.com/gnxp/files/2010/09/IQbyreligion.jpg

http://www.free-eco.org/insights/article/competing-elites

Anônimo disse...

"Aqui no brasiu, eu percebi que a maioria das mulheres interessantes, jovens e adultas... são interesseiras"

Não são interesseiras porque são brasileiras, mas porque são mulheres.

AF disse...

Brancaleone,

Cara, eu sou conservador mas o AF parece rótulo de Creolina Pearson!!

Ow, em nenhum momento eu quis desmerecer nenhum conservador, pois sou um também. Só postei essa "pesquisa" absurda e depois a comentei, como muitos blogs fazem.

Quanto ao rótulo de Creolina Pearson, obrigado, mas não conhecia isso.

Pesquisei na internet e gostei.

Devo parecer mesmo, pois sou o pavor de micróbios e de certas pessoas ditas conservadoras, mas que ao mesmo tempo dizem que temos que ter cuidado com comunistas e, ao mesmo tempo, os que quase que em maioria apoiam o conservadorismo Ocidental... os cristãos, mas parecem ter um corretismo político com os mulçumanos... né?

DIREITA disse...

A média de qi dos ''mais inteligentes'' foi de 106, segundo o estudo do Kana, mas repare, está praticamente na média. A Rússia tem um qi médio 97, próximo da média de qi dos conservadores americanos, em torno de 95, segundo a pesquisa. A Rússia tem uma das maiores quantidades de gênios do mundo.

este genios estão entre os eslavos que são apenas 40 milhões dentre os 140 milhões de cidadãos russos

AF disse...

Autor Desconhecido,

Obrigado pelos links, mas em um debate se vier algum progressista (ou regressista) com uma pesquisa como essa, temos que responder a altura e mostrar que na ciência existe e muito o mal uso dela, como o Rodrigo Rocha falou, e com artigos promovendo a pedofilia, extermínio, aumento da maioridade penal e redução das penas nas cadeias e até existem pesquisas mostrando o contrário em relação aos conservadores e seus links também são muito úteis nisso.

Uma coisa que esqueci de comentar é que a segunda pesquisa que postei é Made in England e a Inglaterra, com o esquerdismo que está tendo lá, como todos sabem "está indo muito bem, as mil maravilhas". hahahaha

Paulo disse...

http://www.youtube.com/watch?v=Oyrzv96cdPo

Davi disse...

Conservadores são menos inteligentes?
Ser machista, racista e homofobico é ser conservador?
Então eu devemos algumas perguntas: onde há mais machismo, na America Latina, África e paises muçulmanos ou nos EUA, Europa e japão? Onde há mais discriminação/odio etnico ou tribal (racismo) Na Africa ou na Europa? Onde gays e mulheres sao mais massacrados, no 1º ou no 3º mundo?
Creio que as respostas a estas perguntas nao serão nada positivos a pessoas que acham que todos os povos saõ iguais...

Alexandre disse...

Amigo, desculpe o lugar impróprio, mas algumas páginas para trás da postagem mais recente, o navegador mostra uma mensagem de malware. Será mais um ataque aos malditos direitistas, quais os que houve com o Mídia sem Máscara?

Abraço!

Anônimo disse...

Pois é MrX...

O que são os EUA senão um grande "shopping center" de OPORTUNIDADES & DISTRAÇÕES.

Não é uma nação com uma, vá lá, identidade própria, uma "tradição cultural", uma "história" própria (eu acho). O que é o povo americano senão a representação concreta, real e dinâmica desse multiculturalismo, desse "SOCIALISMO INDIVIDUALISTA" que não distingue nacionalidades, credos e nem línguas, mas CAPACIDADES, TALENTOS e CONFIANÇA MÚTUA ('socialismo' esse ainda teorizado nas pré-históricas salas de aula marxistas).

Os EUA são o resultado despudorado do SUCESSO da DEMOCRACIA CAPITALISTA, feito com a substância moral da doutrina judaico-cristã protestante (e em parte católica).

Isso tem gerado uma INVEJA danada contra aquela nação que representa o MUNDO LIVRE contra os benfeitores do mundo melhor (nem tão livre assim, mas, pela ótica de quem vive na Chechênia- ou na China, ou em Cuba, ou aqui mesmo no Brasil- a América é quase um mundo encantado... E quer saber, eu prefiro viver na Disney limpando privada pública do que morar no subúrbio do Rio sendo micro-empresário).



PS: quanto mais alguém se sujeita ao modo de vida do inimigo, mais o ódio aumenta. Essa turma do islam já sacou a fórmula. E os nossos titereiros brazucas também.





Anderson Silva

Brancaleone, separatista e monoglota!!! disse...

AF - O rótulos da Creolina Pearson é o mesmo desde seu lançamento no sec 19. Excelente produto aliás. Literalmente cura quase tudo

Autor Desconhecido disse...

https://www.youtube.com/watch?v=THrltK9cGo8

Europa em 2029

Autor Desconhecido disse...

http://www.sodahead.com/united-states/the-iq-of-the-average-liberal-is-far-less-than-a-conservative/question-2726397/

wow!!!!!!!!!!!!
como assim, quem entende,kkkkkkkkkkkk

Autor Desconhecido disse...

http://rudyrafael.wordpress.com/2013/03/31/o-pt-esta-usando-as-artes-para-destruir-o-brasil/

Os textos deste rapaz são realmente muito bons.

Fabiano Teixeira disse...

E isso aqui? http://imgur.com/a/Nx8EU

Chesterton disse...

Uau, isso é mudança de opinião:

http://www.youtube.com/watch?v=_oLvYxUwXts

AF disse...

Ok, Brancaleone, não sabia.

Tem arrumar um monte e jogar isso no Ocidente todo então para curar desse vírus do esquerdismo.

AF disse...

A nojenta mídia, como sempre, sendo políticamente correta e tentando abafar o fato dele ser mulçumano.

Nesta reportagem da Globo, é falado que o suspeito se dizia "muito religioso", mas não dizia qual religião ele estava seguindo.

Qual é o resultado disso?

Um monte de neo-ateus atacando os cristãos nos comentários.

DIREITA disse...

como de costume ha um comentario meu que foi,creio eu, para o spam

Autor Desconhecido disse...

Direita,
apenas é complicado. A Rússia é com certeza um dos países com a maior quantidade de gênios no mundo, claro,em parte porque tem uma grande população.
Vale ressaltar que algumas pessoas mataram milhões de russos no século XX, muitos deles, inteligentes o suficiente para saber onde está o inimigo.
Os 140 milhões de russos também é complicado, a quantidade de eslavos étnicos não deve passar de 120 milhões.

DIREITA disse...

Hitler esta entre nós,ele reencarnou e é agora um militante anti-racista ,que despreza israel pela sua homogenidade e consequente falta de diversidade.

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=lKDeyuM0-Og

Autor Desconhecido disse...

''A nojenta mídia, como sempre, sendo políticamente correta e tentando abafar o fato dele ser mulçumano.

Nesta reportagem da Globo, é falado que o suspeito se dizia "muito religioso", mas não dizia qual religião ele estava seguindo.

Qual é o resultado disso?

Um monte de neo-ateus atacando os cristãos nos comentários.''


Af,
talvez a rede nojo esteja brincando com o intelecto medíocre do povo brasileiro, porque quando ela disse na reportagem que o suspeito é ''muito religioso'', deu a entender que pode não ser muçulmano.
Eu não acredito em mais nada que aconteça nos EUA ou em qualquer outro lugar visando dar audiência.
Os mesmos ''repórteres'' que nos mentem a todo momento sobre um monte de coisa com certeza continuarão mentindo sobre esses 'ataques''. Engraçado que é justamente nesses estados ultra liberais da Nova Inglaterra que essas ''coisas'' estão acontecendo.

Autor Desconhecido disse...

Sobre as fotos das crianças chechenas.
Se for para pensar assim então eu veho muitas crianças chechelentas bricando também.

Para vocês que adoram reclamar da mérdia ''oficial''... parem de acompanhá-la e siga este.

http://www.wnd.com/

DIREITA disse...

MRX,não gostou no hitler anti racista?

Autor Desconhecid[ disse...

http://www.midiasemmascara.org/artigos/movimento-revolucionario/14083-o-dalai-lama-diz-que-e-marxista.html

Dalai Lama calado é um poeta, até passa uma boa impressão...

X,
o Direita lhe fez uma pergunta

Mr X disse...

Olá,

Respondendo às perguntas, acho que a palavra "Hitler" é automaticamente caracterizada como spam.