terça-feira, 2 de abril de 2013

Dois minutos de ódio

Imagino que todos tenham lido "1984" do George Orwell. (Se não leram, deixem já o blog e vão criar uma cultura básica). No livro, o governo ditatorial tinha uma figura, um certo "Emmanuel Goldstein", que era um vilão submetido aos "dois minutos de ódio" pela população. Sua imagem aparecia na tela, e a multidão o vaiava por dois minutos. Depois, a vida continuava, e todos voltavam a ser oprimidos pelo Grande Irmão.

Naturalmente, o tal Goldstein (assim como o Grande Irmão), provavelmente nem existia realmente, era apenas uma imagem criada para canalizar o ódio popular.

Bem, hoje temos uma coisa parecida, só que são pessoas reais, que tem direito a seus dois minutos de ódio toda vez que dizem ou fazem alguma coisa contrária ao credo progressista.

No Brasil, por exemplo, agora tem uma certa Joelma, cantora da banda Calypso. Ela, que é evangélica, fez algumas declarações contrárias ao casamento gay. Também já foi filmada sugerindo a um fã gay adolescente que "virasse homem" (ela acredita na reabilitação, eu não). Pronto. É a nova figura a ser odiada pela população bacana. Antes dela, foi o tal Marcos Feliciano, e antes o Bolsonaro. Todos culpados de serem contrários ao casamento gay ou a alguma outra bandeira progressista.

Cada vez me convenço que o tal "casamento gay" é, sim, um modo de chutar as canelas do Cristianismo, mas principalmente uma manobra para distrair as massas. Afinal, só interessa a 3-5% da população que é homossexual, ou nem isso, pois a maioria dos gays, nos lugares em que obteve o direito de casar, prefere não fazê-lo na prática. Trata-se, portanto, de uma medida acima de tudo simbólica. Porém, ajuda a demolir a Igreja e a sociedade tradicional, então, por que não? E, ao mesmo tempo, enquanto a classe média fica distraída discutindo a "igualdade de casamento", é roubada, enganada e estuprada por um governo cada vez mais totalitário, sem nem perceber...

Vejam o seguinte gráfico, que mostra quando começou a se ouvir falar em "casamento gay":


Quer dizer, uma questão que por milhares de anos nunca foi defendida, nem pelos próprios homossexuais, de repente, em quinze anos, parece ter se tornado a questão maior do discurso político? Ora, é claro que tudo isso foi artificialmente manufaturado, com o intuito de criar uma falsa polêmica para ludibriar os imbecis.

Acho que George Orwell cometeu apenas um erro em "1984": ele superestimou a capacidade de rebeldia e de inteligência dos seres humanos. A verdade é que a maioria aceita bem alegremente mugir e comer alfafa, e ainda jurando que está sendo "independente"!


51 comentários:

Dom Moleiro disse...

Conversei um dia destes com um conhecido gay ,que me disse : "Esse papo de casamento gay não interessa realmente aos gays .Vivo com o "Fulano" ha dez anos ,todo mundo sabe disso,e nunca sofremos preconceito de qualquer espécie .E também não queremos adotar nenhuma criança, o que só atrapalharia nossa vida ".

Mr X disse...

Mas tem vários Estados americanos onde o casamento gay é legal, e os gays não estão casando. Fora um que outro caso de celebridades e algumas bichas velhas, a maioria não casa. Até por que, vamos combinar, casar pra quê? Se ultimamente não tá valendo a pena nem pros heteros...

Gerson B disse...

Acho que é um direito que eles devem ter. Principalmente as mulheres, talvez mais casamenteiras que os homens. Mesmo que sejam uma minoria dentro de uma minoria deveriam ter esse direito.

Mas tambem desconfio de algumas manipulações.

DIREITA disse...

casamento gay tem mais a ver com a oficialização do matrimonio,é mais para garantir os direitos dos casais que vivem juntos.

Anônimo disse...

Eles já tem direito. O homem pode casar com uma mulher e um mulher pode casar com um homem. O direito é esse. Se a gente for falar desse troço de direito para todos, cadê o direito dos polígamos de casar com 2, 3, 4, 5, 6 mulheres?

Mr X disse...

Uma coisa interessante que percebo e' que a maioria das pessoas que fazem campanha pelo casamento gay (Facebook, etc) sao mulheres heteros. Elas realmente gostam muito do casamento gay.

No meu FB tem um par de gays, nenhum deles faz muita campanha, mas as mulheres estao sempre postando fotinhos e coisinhas em favor do casamento gay.

Mulheres tbm sao a favor do veganismo e dos direitos dos animais.

maisvalia disse...

Vivemos a era da mediocidade.
Os pogrecistas venceram.
A idiotia chegou para ficar.
Hoje:
A Associated Press anunciou que não usa mais o adjetivo “ilegal” para referir-se a pessoas. A palavra acompanhará apenas ações nos textos da agência, que tratará quem entra sem autorização em países estrangeiros como “imigrantes indocumentados”.
UM ESPANTO NÉ?

Anônimo disse...

Acho eu que não é muito difícil de entender que IMBUTIDO na palavra 'DIREITO' existe um treco chamado Estado; e, o fomento por mais "direitos" só tende a emergir do fundo do oceano o Godzilla estatal chamado TOTALITARISMO.

__


E caro MrX,

Tb percebo isso, esse comprometimento integral da mulerada com relação a "causa gay" (não gosto de aspas, mas como são necessárias atualmente Rsss).

Tenho passado certos perrengues em mesas-de-bar femininas (mas a pegada do 'machista homofóbico' aqui elas querem experimentar, né?! E quer saber, não posso reclamar muito, já que toda essa mixórdia revolucionária tá me tornando um objeto raro de consumo para um público feminino cada vez mais sem opção |¬D). Fora o drama por que passo tendo uma irmã defensora ferrenha dessa causa gay (da homolatria... Sei o que significa o termo 'INOCENTES-ÚTEIS')

E acho que isso tem a ver com algum mecanismo psicológico intrínseco (natural) às mulheres, e que vem sendo DIRECIONADO (MANIPULADO) pela propaganda esquerdista com relativo sucesso.

Não podemos esquecer tb que o "navio quebra-gelo" do movimento gay foi o próprio FEMINISMO (uma coisa leva a outra).

E veja: mulheres são naturalmente mais agregadoras, amorosas, simpáticas, piedosas com relação ao sofrimento humano (e os gays, com essa fama de "coitadinhos-discriminados-da-sociedade-preconceituosa-machista" que sempre obtiveram da sua situação social[real, diga-se] em tempos passados, são PRATO-CHEIO aos sentimentos femininos)...

Ao mesmo tempo em que NATURALMENTE são mais precavidas, desconfiadas com as investidas masculinas (pelo motivo óbvio da possibilidade de arcar com o ônus de uma gravidez indesejada, coisa extremamente difícil de acontecer num convívio com gays).

É por isso que gays fazem tanto sucesso entre as mulheres; elas se sentem muito confortáveis num ambiente onde não serão constantemente assediadas para o sexo, ao mesmo tempo em que ainda podem exercer sua compaixão maternal (e com aquele entusiasmo trazido pela mentalidade revolucionária para fazerem parte de uma TRANSFORMAÇÃO SOCIAL e PLANETÁRIA, que dá o maior tesão no ego).

Acho que é por aí.


PS: não sei se é paranóia minha- eu acho que não- mas quanto mais caminhamos em direção a uma FEMINILIZAÇÃO e ABOIOLAMENTO da sociedade, MAIS as coisas estão tendendo a piorar em todos os âmbitos dessa mesma sociedade, a começar pela escalada da violência.


PS2: tem um artigo do Luiz Felipe Pondé (não me lembro agora) onde ele categoricamente mostra o porquê do casamento gay ser uma farsa fadada a morrer na praia: FILHOS.

Quantos casais gays estariam dispostos a assumir esse "ÔNUS FINANCEIRO" em suas vidas conjugais confortáveis?

E quem disse que casamento foi feito pra garantir "direitos" pra qualquer pessoa, sinão antes pra garantir a integridade moral, psicológica e física dos filhos que proverão dessa consequência jurídica (natural), garantindo a priori a EXISTÊNCIA de um futuro para a sociedade humana.

Nesse ponto eu sou até meio radical: a ideia (IDEIAS tem consequências) de casamento gay (junto a tantas outras) só tem um objetivo que é o de ATOMIZAR civilizações (pra que possam se encaixar melhor na cosmovisão marxista em forma de buraquinho no teto).


Anderson Silva

Anônimo disse...


União civil era uma bandeira importante. No meu trabalho, havia um colega que vivia há um tempo com o "marido" e a empresa não reconhecia a extensão do plano de saúde a esse "cônjuge". Então o cara morreu de câncer e há pouco tempo ele foi indenizado.
Mas não entendo a balbúrdia em cima de "adoção" "casamento". O tanto que tem sido atacada essas ações no segmento heterossexual.

Agora, 3 % no máximo de homossexual,ok, "GLBT" não é. Quem trabalha ou trabalhou na noite, segmento de lazer ou bares, sabe que de madrugada essa percentagem aumenta significativamente.
De qualquer forma não entendo bandeiras de grupos minoritários virando as bandeiras de uma sociedade e comportamentos de maioria sofrendo a censura por parte da imprensa na fabricação de um senso comum.

Autor Desconhecido disse...

''Mulheres tbm sao a favor do veganismo e dos direitos dos animais.''

Eu sou a favor, não dos direitos dos animais mas de um tratamento anos luz melhor que atualmente a ''humanidade'' dá a esses. Neste caso eu posso me declarar um ecoextremista eugenista, sou milhões de vezes mais a favor do uso de ''seres humanos'' que matam outros seres humanos por motivos extremamente fúteis como cobaias em experimentos científicos ao invés dos cientistas usarem os animais que não podem se defender. Infelizmente a idiotice esquerdopática não consegue dar uma dentro e se, eu disser isso em bom som eles me acusarão de fascistas, ''amam a humanidade'', eu não, a maioria não presta e uma minoria não tão minoria realmente não faz falta alguma, por ex, os estupradores da vã carioca.

Brancaleone, Fronteira Norte da República do Sul disse...

ofitópique, mas achei bão (modéstia à parte...)

Eu pensei que jamais chegaria o dia em que faria um elogio a Fidel mas...
Diante dos acontecimentos na CN pus-me a pensar como Fidel e sua "revolución" estão morrendo dignamente ou pelo menos tão dignamente quanto um "comunista" pode morrer...
Fidel poderia estar ameaçando o mundo com uns traques atômicos e berrando ganidos coléricos contra o "imperialismo ianque" e pior, ajuntando ao redor de sí um punhado de crédulos úteis. Fidel pode estar um tanto assustado e preocupado com o fim próximo do "bolivarismo" mas ele sabe que estará morto e bem comido de bichos no dia que a Venezuela voltar a ser um país decente e espero que estas duas coisas aconteçam em breve...
Enquanto o menino maluquinho da CN, desesperado por um punhadinho de dólares ameaça o mundo quando na verdade quer uma esmolinha, Fidel se vira como pode com a mesada da PDVSA via bolivarismo e dos dólares dos que fugiram de Cuba e se deram bem em Miami...
Inegavelmente Fidel esta se acabando tão dignamente quanto é possível a um ditador e facinora se acabar.

maisvalia disse...

Não havia mais miserável no Brasil, pois a linha de pobreza era calculada com base no mesmo valor nominal de 2010. Mas havia mendigos para todo lado. Um desses mendigos me pareceu familiar. Eu poderia jurar que era o Mr. X! Mas não poderia ser. Afinal, ele era um dos homens mais ricos do país, e tinha ótimo relacionamento com o governo. O BNDES era um grande parceiro seu.
RODRIGO CONSTANTINO
PS ESTE MR. X DEVE SER O EIKE, HEHEHE
http://aluizioamorim.blogspot.com.br/2013/04/de-volta-do-futuro-ou-o-passado-que.html

AF disse...

O 2º anônimo (Ânderson Silva) fez um comentário interessante, mas não concordo muito na parte em que a atração de mulheres por gays seja por elas serem ‘bonzinhas’. Acredito que é mais por causa de outra coisa: http://ohomossexualismo.blogspot.com.br/2012/02/o-porque-das-mulheres-gostarem-da.html

Esse papo também de dizer que mulheres são pessoas boas, sempre preocupadas, seres angelicais e sensíveis, é um mito. Ambos os sexos tem o seu lado mal, embora as mulheres demonstrem o lado mal delas de forma diferente, como por exemplo, a atração de mulheres por criminosos (vide o caso do Maníaco do Parque que recebeu um monte de cartinhas amorosas, o Beira Mar, criminosos terríveis americanos, assassinos, traficantes, cafajestes), enquanto os homens bons são deixados de lado.

Até as feministas admitem que não sentem atração por homens bonzinhos e feministas com elas e que preferem os machistas mesmo.

Encontrei um comentário na internet PERFEITO que mostra também esse outro lado das mulheres e que os homens não são tão maus assim: http://detonandoamatrix.wordpress.com/2012/08/22/a-promiscuidade-das-mulheres-tatuadas-e-os-significados-das-tatuagens-femininas/#comment-1660

Sobre a feminização da sociedade, ela está resultando nisso mesmo: um monte de bandidos ou homens sensíveis, que na maioria são filhos de mães solteiras e crescem em um ambiente de pouco valor familiar, que, somando mais ainda essa sociedade com falta de valores, a mídia maligna, escolas que ensinam bobagens, a esquerda, etc., tem uma enorme tendência em fazer homens serem assim.

Anônimo disse...

'Mais valia' disse:

"Vivemos a era da mediocridade.
Os pogressistas venceram.
A idiotia chegou para ficar."


E eu me pergunto: pra que acompanhar o 'The Walking Dead' ou ficar na expectativa do lançamento do 'World War Z', se posso experienciar a ficção in loco, aqui mesmo no Brasil?! É muito mais emocionante; o dia-a-dia passa a ter aquele tom de "documentário apocalíptico" com ligeiras pitadas de humor negro e vergonha alheia.


Anderson Silva

Anônimo disse...

Anônimo, quando vc diz:

"Agora, 3 % no máximo de homossexual,ok, "GLBT" não é. Quem trabalha ou trabalhou na noite, segmento de lazer ou bares, sabe que de madrugada essa percentagem aumenta significativamente.[...]"


Isso é só uma falsa percepção; é o mesmo raciocínio sobre a tal SUPERPOPULAÇÃO MUNDIAL: da concentração de gente em um determinado espaço, deduz-se-ERRONEAMENTE- que existe muita gente em todos os espaços, e não haveria espaços vazios, livres em outros lugares. Isso é erro de perspectiva.


"De qualquer forma não entendo bandeiras de grupos minoritários virando as bandeiras de uma sociedade e comportamentos de maioria sofrendo a censura por parte da imprensa na fabricação de um senso comum."


O que é muito esquisito nisso tudo (e parece que poucos repararam isso) é o "repentino" desejo CONSERVADOR (e RELIGIOSO)de supostos casais gays em se submeterem a um ritual (do matrimônio hetero) que até bem pouco tempo era visto como CARETA, RETRÓGRADO, PATÉTICO, ESCRAVISTA, BURGUÊS e ANTI-PROGRESSISTA.

Acredite nessa gente quem quiser, porque pra mim essas 'nobres reivindicações humanitárias anti-homofobia' tem um valor de uma nota de 3 reais.



Anderson Silva

DIREITA disse...

Mulheres tbm sao a favor do veganismo e dos direitos dos animais.


nem de todos os animais elas defendem os direitos; do macho humano , Heterosexual e branco por ex; elas não defendem .

DIREITA disse...

PS2: tem um artigo do Luiz Felipe Pondé (não me lembro agora) onde ele categoricamente mostra o porquê do casamento gay ser uma farsa fadada a morrer na praia: FILHOS.


ALEM DE NÃO SER NEGRO É ELE TAMBÉM NÃO É GAY? EU JURAVA QUE ELE ERA OS DOIS!

Felipe Flexa disse...

Goldstein era Trotsky.

Brancaleone, Fronteira Norte da República do Sul disse...

Olha X, achei simples e genial. Pode transformar em post se quiser...

Do meu amigo Ricardo Sandre, lá do Ateus.net

"A história do experimento socialista". :P
Conhecem algo parecido ?

Um professor de economia em uma universidade disse que nunca havia reprovado um só aluno, até que certa vez reprovou uma classe inteira.

Esta classe... em particular havia insistido que o socialismo realmente funcionava: com um governo assistencialista intermediando a riqueza ninguém seria pobre e ninguém seria rico, tudo seria igualitário e justo.

O professor então disse, "Ok, vamos fazer um experimento socialista nesta classe. Ao invés de dinheiro, usaremos suas notas nas provas." Todas as notas seriam concedidas com base na média da classe, e, portanto seriam 'justas'. Todos receberão as mesmas notas, o que significa que em teoria ninguém será reprovado, assim como também ninguém receberá um "A".

Depois de calculada a média da primeira prova todos receberam "B". Quem estudou com dedicação ficou indignado, mas os alunos que não se esforçaram ficaram muito felizes com o resultado.

Quando a segunda prova foi aplicada, os preguiçosos estudaram ainda menos - eles esperavam tirar notas boas de qualquer forma. Já aqueles que tinham estudado bastante no início resolveram que eles também se aproveitariam do trem da alegria das notas. Como um resultado, a segunda média das provas foi "D". Ninguém gostou.

Depois da terceira prova, a média geral foi um "F". As notas não voltaram a patamares mais altos, mas as desavenças entre os alunos, buscas por culpados e palavrões passaram a fazer parte da atmosfera das aulas daquela classe. A busca por 'justiça' dos alunos tinha sido a principal causa das reclamações, inimizades e senso de injustiça que passaram a fazer parte daquela turma. No final das contas, ninguém queria mais estudar para beneficiar o resto da sala. Portanto, todos os alunos repetiram aquela disciplina... Para sua total surpresa.

O professor explicou: "o experimento socialista falhou porque quando a recompensa é grande o esforço pelo sucesso individual é grande. Mas quando o governo elimina todas as recompensas ao tirar coisas dos outros para dar aos que não batalharam por elas, então ninguém mais vai tentar ou querer fazer seu melhor. Tão simples quanto isso.”

1. Você não pode levar o mais pobre à prosperidade apenas tirando a prosperidade do mais rico;

2. Para cada um recebendo sem ter de trabalhar, há uma pessoa trabalhando sem receber;

3. O governo não consegue dar nada a ninguém sem que tenha tomado de outra pessoa;

4. Ao contrário do conhecimento, é impossível multiplicar a riqueza tentando dividí-la;

Amoral da história: Quando metade da população entende a idéia de que não precisa trabalhar, pois a outra metade da população irá sustentá-la, e quando esta outra metade entende que não vale mais a pena trabalhar para sustentar a primeira metade, então chegamos ao começo do fim de uma nação.

RLK disse...

Pois é X.

Acompanho seu blog há alguns anos, e eu tenho 21. A 3 meses estou morando nos EUA. Enquanto lia seus antigos posts, tinha uma breve noção de como as coisas estavam por aqui. Morando aqui tenho noção da dimensão que estes assuntos tomam a cabeça dos americanos, mídia etc. Estou na Carolina do Norte, um estado um pouco mais conservador, mas aqui na universidade, existem muitos "liberais" (no sentido americano). Notei um fato interessante, em algumas rodas de conversas, é proibido citar o nome "Fox News", sob pena de ser tachado de preconceituoso.

Fiquei um pouco assustado no começo, mas agora já acostumei. Depois de tantas rodas de conversa, a única conclusão que cheguei é a seguinte... O Ocidente está indo para o buraco.

Abraço X!

Chesterton disse...

Casamento gay, poligamia, legalização da pedofilia, nesta ordem...começa com legalização para adultos transarem com crianças de 12 anos de idade, em seguida, 9 anos de idade.

Anônimo disse...

Uma outra cosita:

Já repararam que as mulheres, ao mesmo tempo que aprovam e defendem a conduta dos gays masculinos, repudia a possibilidade de conviver entre lésbicas?

Falei disso outro dia pra minha irmã (bem hetero, por sinal, perguntando a ela sobre quantas AMIGAS GAYS ela tinha) e pra umas duas vizinhas tb defensoras da "causa gay", e foi bem interessante ver a reação de espanto e mudez delas.

"Na confusão geral das consciências, toda discussão racional se torna impossível e então, naturalmente, espontaneamente, quase imperceptivelmente, o centro decisório se desloca para as mãos dos mais descarados e cínicos."


Movimento gay = vigarice premeditada e sem limites


http://www.brasilacimadetudo.com/2007/07/after-the-ball-os-cadernos-do-carcere-do-movimento-gay-final/


Acredite nessa gente quem quiser...

Eu não caio mais nessa dialética bífida enrustida de ódio anti-cristão e dissonância cognitiva.


Anderson Silva

maisvalia disse...

Senhor Embaixador da República Popular e Democrática da Coreia;

A campanha de uma guerra nuclear desenvolvida pelos Estados Unidos contra a República Democrática Popular da Coreia passou dos limites e chegou à perigosa fase de combate real. Apesar de repetidos avisos da RDP da Coréia, os Estados Unidos tem enviado para a Coréia do Sul os bombardeios nucleares estratégicos B-52 e, em seguida, outros meios sofisticados como aeronaves Stealth B-2, dentre outras armas.

Os exercícios com esses bombardeios contra a RDP da Coréia são ações que servem para desafiar e provocar uma reação nunca antes vista e torna a situação intolerável. As atuais situações criadas na península coreana e as maquinações de guerra nuclear dos EUA e sua fantoche aliada Coréia do Sul além de seus parceiros que ameaçam a paz no mundo e da região, nos levam a afirmar:

1. Nosso total, irrestrito e absoluto apoio e solidariedade à luta do povo coreano para defender a soberania e a dignidade nacional do país;

2. Lutaremos para que o mundo se mobilize para que os Estados Unidos e Coréia do Sul devem cessar imediatamente os exercícios de guerra nuclear contra a RDP da Coréia;

3. Incentivaremos a humanidade e os povos progressistas de todo o mundo e que se opõem a guerra, que se manifestem com o objetivo de manter a Paz contra a coerção e as arbitrariedades do terrorismo dos EUA.

Conscientes de estarmos contribuindo e promovendo um ato de fé revolucionária pela paz mundial, as entidades abaixo manifestam esse apoio e solidariedade.

Brasília, 02 de abril de 2013.

PCdoB, PT, PSB, Cebrapaz, CUT, MST, MDD, UJS, UNE, Unegro, Unipop, CDRI, CDR/DF, MPS, CMP, CPB, Telesur, TV Comunitária de Brasília, Jornal Revolução Socialista.

Autor Desconhecido disse...

''Senhor Embaixador da República Popular e Democrática da Coreia;

A campanha de uma guerra nuclear desenvolvida pelos Estados Unidos contra a República Democrática Popular da Coreia passou dos limites e chegou à perigosa fase de combate real. Apesar de repetidos avisos da RDP da Coréia, os Estados Unidos tem enviado para a Coréia do Sul os bombardeios nucleares estratégicos B-52 e, em seguida, outros meios sofisticados como aeronaves Stealth B-2, dentre outras armas.

Os exercícios com esses bombardeios contra a RDP da Coréia são ações que servem para desafiar e provocar uma reação nunca antes vista e torna a situação intolerável. As atuais situações criadas na península coreana e as maquinações de guerra nuclear dos EUA e sua fantoche aliada Coréia do Sul além de seus parceiros que ameaçam a paz no mundo e da região, nos levam a afirmar:

1. Nosso total, irrestrito e absoluto apoio e solidariedade à luta do povo coreano para defender a soberania e a dignidade nacional do país;

2. Lutaremos para que o mundo se mobilize para que os Estados Unidos e Coréia do Sul devem cessar imediatamente os exercícios de guerra nuclear contra a RDP da Coréia;

3. Incentivaremos a humanidade e os povos progressistas de todo o mundo e que se opõem a guerra, que se manifestem com o objetivo de manter a Paz contra a coerção e as arbitrariedades do terrorismo dos EUA.

Conscientes de estarmos contribuindo e promovendo um ato de fé revolucionária pela paz mundial, as entidades abaixo manifestam esse apoio e solidariedade.

Brasília, 02 de abril de 2013.

PCdoB, PT, PSB, Cebrapaz, CUT, MST, MDD, UJS, UNE, Unegro, Unipop, CDRI, CDR/DF, MPS, CMP, CPB, Telesur, TV Comunitária de Brasília, Jornal Revolução Socialista.''

''PAZ''= GUERRA

Imigração em massa= invasão

Marxismo Cultural=Lavagem cerebral incentivando a miscigenação racial, o homossexualismo e toda a sorte de comportamento auto destrutivo

Diversidade= alta densidade de povos disfuncionais aterrorizando populações sedentárias tradicionais

Direitos Humanos= defesa de criminosos

Que paz??

AF disse...

Essa carta que o maisvalia postou mostra mais uma vez como a esquerda é doente.

Sobre quem assinou a carta:

PCdoB, PT, PSB, Cebrapaz, CUT, MST, MDD, UJS, UNE, Unegro, Unipop, CDRI, CDR/DF, MPS, CMP, CPB, Telesur, TV Comunitária de Brasília, Jornal Revolução Socialista.

Nem precisa comentar. É simplesmente as piores escórias do Brasil e da humanidade!

Sou totalmente a favor da criminalização do comunismo, no mesmo termo que o nazismo.

Tem país em que a mínima apologia ao nazismo dá cadeia e não pode ser diferente em hipótese alguma com o comunismo, pois esse regime matou muito mais pessoas e ainda há gente que o apoia, justifica esse genocídio e é o queridinho de todos como o Niemeyer, que deveriam ter passado o resto da vida na prisão.

Uma pergunta também: será que agora vai rolar a guerra entre as Coréias e os Estados Unidos?

DIREITA disse...

PCdoB, PT, PSB, Cebrapaz, CUT, MST, MDD, UJS, UNE, Unegro, Unipop, CDRI, CDR/DF, MPS, CMP, CPB, Telesur, TV Comunitária de Brasília, Jornal Revolução Socialista.


e eles estão certos.quem esta fomentado a guerra é o próprio EUA.e ele que vive se intrometendo em assuntos que não lhe dizem respeito afrontando soberanias.

Anônimo disse...

maisvalia,


"Os exercícios com esses bombardeios contra a RDP da Coréia são ações que servem para desafiar e provocar uma reação nunca antes vista e torna a situação intolerável.[...]"


Anderson Silva: Intolerável pra quem, cara pálida?! Pro povo que vive sob rédea curta do governo totalitário ou para o governo genocida que ao mesmo tempo que esmaga o seu próprio povo, se faz de vítima do "imperialismo norte-americano"?!

__



"[...] além de seus parceiros que ameaçam a paz no mundo e da região, nos levam a afirmar:"


Anderson Silva: O que eu queria entender é como pôde a INVERSÃO REVOLUCIONÁRIA sobreviver por tanto tempo (mantendo o planeta nesse estado febril permanente) se não fosse pelo APOIO (financeiro e moral) da ELITE GLOBALISTA do Ocidente capitalista?

__


1. "Nosso total, irrestrito e absoluto apoio e solidariedade à luta do povo coreano para defender a soberania e a dignidade nacional do país;"


A.S: e quem disse que o povo desse país é soberano & digno vivendo sob um regime de excessão (mais do que de excessão, de restrição e ameaça permanentes)??

--

2. "Lutaremos para que o mundo se mobilize para que os Estados Unidos e Coréia do Sul devem cessar imediatamente os exercícios de guerra nuclear contra a RDP da Coréia;"


A.S: por que cês não lutam por aqueles coreanos do norte que se esforçam pra FUGIR do país, na esperança de poderem vislumbrar um pouco de soberania individual e dignidade humana??? Eu conheço alguns que vivem naqui perto de casa (fora os chineses que não compreendem a beleza dos ideias socialistas do seu país de origem).

E cês vão tb lutar para que o ditador desse país abdique da sua fissura beligerante contra o mundo livre???

--

3. "Incentivaremos a humanidade e os povos progressistas de todo o mundo e que se opõem a guerra, que se manifestem com o objetivo de manter a Paz contra a coerção e as arbitrariedades do terrorismo dos EUA."


A.S: vcs se opõem à guerra e desejam a paz só se for pra DESTRUIR os denominados "INIMIGOS DA CAUSA". Vcs são bem uma cambada de FDPs, mas querer que as pessoas de bem e dotadas de inteligência aceitem as suas formas de pensar o mundo aí já é algo que nem o diabo aguenta.

__


"Conscientes de estarmos contribuindo e promovendo um ato de fé revolucionária pela paz mundial,[...]"


A.S: e quem disse que vcs possuem alguma CONSCIÊNCIA nessas cacholas cheias de ódio, inveja e desejos megalômanos contra sua própria espécie, onde aqueles considerados melhores e mais capacitados são a imagem do próprio satanás???

E só mesmo sob um "ATO DE FÉ" que a esquerda revolucionária pode apostar que ela mesma ira reformular e transformar o mundo pra melhor usando como principal ferramenta a concentração de PODER POLÍTICO & FINANCEIRO.

E só por outro 'ato de fé' (cega, né?!) que o resto da humanidade pode continuar acreditando nisso.


PCdoB, PT, PSB, Cebrapaz, CUT, MST, MDD, UJS, UNE, Unegro, Unipop, CDRI, CDR/DF, MPS, CMP, CPB, Telesur, TV Comunitária de Brasília, Jornal Revolução Socialista...


Vão TOOODOS pra casa do...
Parente que vcs tão devendo! Rsss

Mas o spa de vcs no juízo final já tá garantido.


Anderson Silva

LUÍS disse...

AD,pra você que gosta de um bom debate

http://www.facebook.com/BrancosOrgulosos/posts/471133896293654?comment_id=84513481&reply_comment_id=84516444&offset=0&total_comments=18&notif_t=share_reply

Autor Desconhecido disse...

Luis,
Thanks pela disponibilidade desta comunidade mas nem sei se quero debater aí, ainda mais onde, fakebook??
Também não sei se posso me definir como um branco orgulhoso, porque branco-branco eu não sou,kkk, fica complicado né. Eu tenho uma tendência irresistível de entender as cousas nos teus mííínimos detalhes. Como resultado não consigo mais me considerar como branco. Me recuso a definir como pardo e muito menos como negro. Seria de uma ilógica atroz. Eu sou um oeste asiático, não pareço com um pardo, não pareço com um mongolóide, não pareço com um negro, o que eu sou?
Orgulhoso é outra palavra complicada. Não estou muito orgulhoso com esta elite branca psicopata e com estes esquerdopatas brancos.
Mantendo esta lógica, não preciso dizer o que acho sobre a hierarquia das raças humanas.

Autor Desconhecido disse...

Luiz seu safado,kkkkkkkkkkkkkk

Autor Desconhecido disse...

Luis, já debati muito no orkut, cansei de martelar o prego com uma pluma.
O Brasil já é caso perdido, mas eu vejo um amanhecer dourado para os eurodescendentes ao redor do mundo e como de praxe, o brasilóide vai copiar, pode esperar.Prepare-se pra ver um monte de pardo de pele ''clara'' chorando racismo dos outros brancos.

Anônimo disse...

Isso aqui é gravíssimo:

http://www.youtube.com/watch?v=iwDXbR_hdGs

Ajuda a gente a divulgar isso aí, cara.

É o que a gente vinha dizendo há muito tempo: a normalização do homossexualismo vai levar inexoravelmente à normalição da pedofilia (http://www.midiasemmascara.org/artigos/movimento-revolucionario/11993-homossexualidade-e-abuso-sexual-de-criancas.html) e esse pessoal nem esconde mais suas intenções.

Abraço.

LUÍS disse...

"Luiz seu safado,kkkkkkkkkkkkkk"


AD,qual a graça?

LUÍS disse...

"Thanks pela disponibilidade desta comunidade mas nem sei se quero debater aí, ainda mais onde, fakebook??
Também não sei se posso me definir como um branco orgulhoso, porque branco-branco eu não sou,kkk, fica complicado né. Eu tenho uma tendência irresistível de entender as cousas nos teus mííínimos detalhes. Como resultado não consigo mais me considerar como branco. Me recuso a definir como pardo e muito menos como negro. Seria de uma ilógica atroz. Eu sou um oeste asiático, não pareço com um pardo, não pareço com um mongolóide, não pareço com um negro, o que eu sou?
Orgulhoso é outra palavra complicada. Não estou muito orgulhoso com esta elite branca psicopata e com estes esquerdopatas brancos.
Mantendo esta lógica, não preciso dizer o que acho sobre a hierarquia das raças humanas."

Branco é oque menos tem nestas paginas de "orgulho branco".pelos seus traços e cor de pele nunca que alguém iria supor que você não é branco,nunca.

LUÍS disse...

"Prepare-se pra ver um monte de pardo de pele ''clara'' chorando racismo dos outros brancos."

Mas estes pardos de pele clara ai se acham brancos.

Autor Desconhecido disse...

Como é que é, você já sabe como é a minha fisionomia????
Dei mancada,kkkkkkkkkkkk
Seu safado, fez de propósito néah??

Sobre os brancos de ''pele clara''. Olha, eu não quis me referir aos membros deste grupo, na verdade, eu nem prestei atenção na aparência deles, pra ser sincero. Mas isso acontece. O problema é que quando eles percebem que não são brancos da maneira como imaginavam, tendem a debandar. Ser parte deste movimento não deve ser somente por causa pessoal mas por justiça e lógica. A partir do momento que lutamos pela raça branca também estamos lutando por valores morais evoluídos e pela inteligência. Não é somente uma guerra contra os brancos, é também uma guerra contra a inteligência. A elite querem destruir a concorrência e reinar sozinha.

Sobre a minha etnicidade, eu me declaro como um caucasóide, pela lógica que lhe disse no comentário anterior. Mas eu tenho parentes mestiços recentes, se for pra comparar eu estou mais para um palestino, tunisiano ou turco do que para um francês.

Cláudio disse...

Há um autor que discorda da previsão de 1984. Ele crê que a feita por Huxley é mais apropriada.

http://en.wikipedia.org/wiki/Amusing_Ourselves_to_Death

LUÍS disse...


"AD
O problema é que quando eles percebem que não são brancos da maneira como imaginavam, tendem a debandar. Ser parte deste movimento não deve ser somente por causa pessoal mas por justiça e lógica. A partir do momento que lutamos pela raça branca também estamos lutando por valores morais evoluídos e pela inteligência. Não é somente uma guerra contra os brancos, é também uma guerra contra a inteligência. A elite querem destruir a concorrência e reinar sozinha."


AD,acho que este momento em que eles se vejam como não brancos não vai acontecer.é mais provável que os reais racialistas brancos os aceitem e se misturem com eles(que é oque eu já vejo a acontecer)

Autor Desconhecido disse...

''AD,acho que este momento em que eles se vejam como não brancos não vai acontecer.é mais provável que os reais racialistas brancos os aceitem e se misturem com eles(que é oque eu já vejo a acontecer)''

Luís,
falando nisso, estava um dia desses visitando o Stormfront e me deparei com o post de um iraniano. Ele só estava tentando entender como era o movimento e se poderia ser considerado como branco, mas como o pessoal ''average'' do site não tem lá muita educação, foi logo insultando o pobre rapaz. Apesar da genética ter comprovado que os iranianos são um dos poucos povos do oriente médio com uma predominância de genes comuns na Europa, ainda assim, os iranianos não podem ser considerados como brancos, segundo o mesmo nível de depuração racial que os europeus apresentam. Mas também não podem ser declarados como ''não-brancos''. Eu concordo com os negadores de raça quando dizem que a mesma não existe, partido da ideia de que, no passado, nos EUA, os povos mediterrâneos do sul da Europa não eram considerados como tal. Mas antropológica e geneticamente falando é evidente que existem raças humanas ou seja lá o nome que vc quiser dar a elas. Os iranianos são mais misturados racialmente do que os europeus, eles são caucasianos ou caucasóides. No entanto, é necessário ter tato para conversar com as pessoas. Aqui no Brasil tenha certeza que isso irá acontecer. Uma minoria dos brancos são depurados tal como os europeus e dentro dessa minoria, ou seja, a minoria da minoria, é composta por realistas raciais ou racialistas.
Eu sou do tipo caucasianista. Minha raça é a caucasiana, raça branca é uma construção social. Mas existem variações dentro da mesma. Com a eugenia talvez, um dia, as raças deixem de ser tão importantes.
Lá fora isso também acontece, vou te mandar uns textos que mostram que sempre fomos ''misturados''. Claro, isso não significa que, já que é assim, temos todos de nos misturar, não estou querendo empurrar nenhuma agenda de mistura racial, só sendo realista.

Autor Desconhecido disse...

SIMPLESMENTE WOOOW


http://neuropolitics.org/Conservative-Left-Brain-Liberal-Right-Brain.htm

LUÍS disse...

"Apesar da genética ter comprovado que os iranianos são um dos poucos povos do oriente médio com uma predominância de genes comuns na Europa, ainda assim, os iranianos não podem ser considerados como brancos, segundo o mesmo nível de depuração racial que os europeus apresentam."

Quais são testes ,cade as fontes?

Outra ; a uma enormre diferença entre genes comuns a europa(quase todos são ,devido a varias povos que lá vivem ou viveram) e genes europeus . por ex; o marcador genetico masculino J,E3B, estão a tempos presentes na europa mas não são genes europeus.

"Mas também não podem ser declarados como ''não-brancos''."

Sim,podem .tanto é que assim são declarados .

"""""Eu concordo com os negadores de raça quando dizem que a mesma não existe, partido da ideia de que, no passado, nos EUA, os povos mediterrâneos do sul da Europa não eram considerados como tal."""""

Isto não é verdade. os povos estacionados no sul da europa não são coesos,não pertencem a uma mesma raça.os sicilianos driscriminados/tidos como não brancos não só nos EUA como tambem,ainda hoje, na própira italia continuam sendo considerados não brancos .

O conceito de raça branca é um só ,não muda.o fato de a ver pessoas que desconhecem e distorcem o mesmo não o invalida. .por ex: o conceito de loiro muda de acordo como o pais . eu próprio apesar de não se loiro sou assim tido por muito brasileiros.mas não é por isto que o conceito de loiro é uma cosntrução social.



"""" Mas antropológica e geneticamente falando é evidente que existem raças humanas ou seja lá o nome que vc quiser dar a elas. Os iranianos são mais misturados racialmente do que os europeus, eles são caucasianos ou caucasóides."""""""

Nem uma nem outra,são mestiços.


"""Eu sou do tipo caucasianista. Minha raça é a caucasiana, raça branca é uma construção social. """

Não ,a raça branca não é uma construção social,é uma realidade biologica.o fato de pessoas distorcerem seu conceito por ignorancia ou para ajustar as suas vontades e ideologia não a descaracteriza.

DIREITA disse...

http://neuropolitics.org/Conservative-Left-Brain-Liberal-Right-Brain.htm


Repare que o cientista responsavel pela pesquisa pré conceitua oque seriam comportamentos de direita e esquerda.no conceito deste sr os direitistas vivem dentro de uma bolha enquanto os esquerdista seriam mais realistas.

AF disse...

Autor Desconhecido:

Olha, eu acho que neste caso você pode vir a estar confundindo alhos com bugalhos. O fato dos políticos usarem de meios estúpidos e tortuosos para impor determinadas medidas para as pessoas comuns não deve interferir no fato de que a conservação das áreas verdes seja algo de extrema importância no mundo de hoje.

Não, não estou confundindo.

Onde estão as reservas legais e as APPs lá no Suíça, nos Estados Unidos e outros países? Por que lá fora não tem e as coisas vão bem e aqui o governo obriga produtores a isso enquanto que nas cidades os rios são poluídos a vontade? Por que no interior de SP qualquer produtor que chega perto do rio Tietê ele já toma uma imensa multa enquanto que na capital qualquer pessoa que queira reflorestá-lo é chamada de maluca? Por que lá fora é bonito e aqui é proibido?

Eu também não concordo com o uso de meios disgênicos, acho que tudo poderia ser resolvido com medidas muito menos extremadas. Mas eu já li ''deles'' (não dos esquerdopatas), que grande parte da humanidade não vale apena. Concordo e discordo. De fato, quanto mais eu convivo com as pessoas (diga-se, até mesmo meus parentes mais próximos), mais eu percebo que sou ''peça rara''. Concluí faz uns dias atrás que grande parte da humanidade não consegue pensar por conta própria, são mesmo, praticamente gados que não podem comer o que quiser, fazer o quiser, eles acham que podem, mas é uma ilusão, estão sempre mascando saliva num cercado. Eu sinceramente não acho que sou o mais inteligente mas com certeza, não sou mais um boi ou vaca atomizado da fazenda.
Por outro lado, existem diversos aspectos que devem ser avaliados e neste caso concluo que ao contrário do que eles imaginam, existem muitas outras qualidades que entram em desacordo com a hipótese da humanidade como um mal desnecessário.


Olha Autor Desconhecido, o Luís Filipe Pondé uma vez até falou algo interessante, de que são poucas as pessoas mesmo que são capazes de conduzir a humanidade e quando essas poucas pessoas são más ou são pessoas que não eram para estar lá liderando, sem a mínima capacidade, como a tartaruga de toco, Obama, o bixo pega.

O povo pode ser manipulado facilmente mesmo e as peças-raras são poucas. No entanto, isso não significa que todo mundo não presta. Às vezes isso é parte da própria natureza e ocorre até com outros animais.

Se todos forem guiados para o bem, pelas poucas pessoas que tem capacidade para guiar, o mundo seria muito melhor e haveriam muito mais trabalhadores e pessoas de bem. Quem sabe o Obama por exemplo, se não tivesse sido poluído por todas esses ideais idiotas poderia ser alguém de bem, um trabalhador qualquer, que colabora para sociedade a seu modo? Ou um esquerdista universitário maconheiro não poderia ser uma pessoa de bem se não tivesse tido a cabeça lavada na universidade? E a maioria das pessoas hoje não tenderiam à esquerda, se não tivessem a cabeça lavada desde pequenos? (pois a infância também é uma parte delicada e se colocarmos esquerdismos na cabeça de uma pessoa ela vai sim, quando crescer tornar um ignorante e dificilmente vai se livrar disso).

Autor Desconhecido disse...

''Não, não estou confundindo.

Onde estão as reservas legais e as APPs lá no Suíça, nos Estados Unidos e outros países? Por que lá fora não tem e as coisas vão bem e aqui o governo obriga produtores a isso enquanto que nas cidades os rios são poluídos a vontade? Por que no interior de SP qualquer produtor que chega perto do rio Tietê ele já toma uma imensa multa enquanto que na capital qualquer pessoa que queira reflorestá-lo é chamada de maluca? Por que lá fora é bonito e aqui é proibido?''

Sobraram as reservas florestais, a Europa então nem se fala, praticamente não existem mais,especialmente na Europa Ocidental. É aquilo que te falei. Se eles podem então nós também podemos, você pensa. Mas quem se ferra é a natureza. Os europeus pecaram gravemente em destruir a maioria de suas florestas, mas nem por isso devemos fazer o mesmo aqui.


Olha Autor Desconhecido, o Luís Filipe Pondé uma vez até falou algo interessante, de que são poucas as pessoas mesmo que são capazes de conduzir a humanidade e quando essas poucas pessoas são más ou são pessoas que não eram para estar lá liderando, sem a mínima capacidade, como a tartaruga de toco, Obama, o bixo pega.

O povo pode ser manipulado facilmente mesmo e as peças-raras são poucas. No entanto, isso não significa que todo mundo não presta. Às vezes isso é parte da própria natureza e ocorre até com outros animais.

''Se todos forem guiados para o bem, pelas poucas pessoas que tem capacidade para guiar, o mundo seria muito melhor e haveriam muito mais trabalhadores e pessoas de bem. Quem sabe o Obama por exemplo, se não tivesse sido poluído por todas esses ideais idiotas poderia ser alguém de bem, um trabalhador qualquer, que colabora para sociedade a seu modo? Ou um esquerdista universitário maconheiro não poderia ser uma pessoa de bem se não tivesse tido a cabeça lavada na universidade? E a maioria das pessoas hoje não tenderiam à esquerda, se não tivessem a cabeça lavada desde pequenos? (pois a infância também é uma parte delicada e se colocarmos esquerdismos na cabeça de uma pessoa ela vai sim, quando crescer tornar um ignorante e dificilmente vai se livrar disso).''

Eu postei algo relacionado a condicionamento político e genética. Tá no post dos chechelentos. Acho que seja possível você conseguir manipular a maioria das pessoas sim e condicioná-las para serem mais da esquerda, mas isso não significa que não tenha alguma questão genética aí. A maioria é mais facilmente manipulada porque a sua genética, primeiro de tudo, apresenta combinações, principalmente quando relacionadas a comportamento coletivo, quer dizer, se a maioria dos teus amigos estão cheirando crack, dependendo do teu qi e personalidade, você poderá seguir o comportamento deles.

Autor Desconhecido disse...

''Quais são testes ,cade as fontes?

Outra ; a uma enormre diferença entre genes comuns a europa(quase todos são ,devido a varias povos que lá vivem ou viveram) e genes europeus . por ex; o marcador genetico masculino J,E3B, estão a tempos presentes na europa mas não são genes europeus.''

Aaaa, aí você procura né,kkk
É complicado definir aquilo que é ou não é europeu. Você não pode simplesmente dizer que o gene tal, comum por ex na Anatólia, não é europeu, visto que uma das prováveis ondas migratórias mais importantes que (re)colonizaram a Europa vieram de lá. A presença por ex do gene J (não sei qual variante, acho que todas)é sentida em praticamente todo o continente europeu.
Europa é um nome que damos a um pedaço de terra ligado à Ásia. Os negadores da raça estão certos se não conseguirmos separar uma coisa de outra coisa. O fato de aceitar que a maioria dos povos do oriente médio e norte da áfrica são caucasóides não interfere no fato de que eu acredite que a Polônia, por exemplo, não deva aceitar imigrantes dessa região, que deva se preservar. Política não deve se misturar com antropologia, pq se vc parar pra pensar logica e racionalmente, não deveríamos ficar preocupados com a imigração de muçulmanos, que em sua maioria são caucasóides miscigenados, do oriente médio e áfrica do norte. Pensando como um realista racial e antropólogo supostamente, não haveria diferença, tutti ''bianchi''. Eu disse supostamente, que fique claro.


''Sim,podem .tanto é que assim são declarados''

Estou fazendo uma confusão aqui, ''não brancos'' seria no sentido de, totalmente pertencentes a uma raça não branca, tipo, mongolóide ou negróide. Neste caso eu vou mudar o conceito de não branco para não caucasóide, se bem que a maioria dos iranianos são de raça mista. É complicado pra mim considerar o pessoal do oriente médio e norte da africa como mestiços, apesar de uma boa parte deles serem mesmo. Tenho partido de minhas conclusões pessoais de acordo com as antigas classificações. O que eu tenho notado é que ao menos em relação a difusão de alelos negróides, de Riad pra cima, o percentual não é muito maior que 10%. Em algumas áreas como Líbano,Turquia e Armênia, podemos dizer que ocorreu uma preservação dos traços combinados dos velhos habitantes dessa região.

''Isto não é verdade. os povos estacionados no sul da europa não são coesos,não pertencem a uma mesma raça.os sicilianos driscriminados/tidos como não brancos não só nos EUA como tambem,ainda hoje, na própira italia continuam sendo considerados não brancos.''

Não, na verdade, a maioria dos sul europeus não eram considerados como brancos. Mesmo que fossem, eram relegados a uma posição inferior. Isso pode ser historicamente comprovado. Os sicilianos são menos inteligentes, em média, que os demais europeus. Também são, devido a sua posição geográfica, mais misturados com a vizinhança do que o resto, mas pra mim, eles são brancos. Assim como pra mim, generalizadamente falando, os sudeste asiáticos são mongolóides. O copo está mais meio cheio para os dois grupos. A maioria dos europeus são uma média de mais de 90% geneticamente caucasianos. Eu vejo as coisas tal como uma gradação de cores de um arco íris. O sueco tá na coloração mais clara, o siciliano e o português tá quase no meio, provavelmente entre 20 e 30, o turco tá um pouco mais pra metade e o iemenita tá praticamente no final.




Autor Desconhecido disse...

''O conceito de raça branca é um só ,não muda.o fato de a ver pessoas que desconhecem e distorcem o mesmo não o invalida. .por ex: o conceito de loiro muda de acordo como o pais . eu próprio apesar de não se loiro sou assim tido por muito brasileiros.mas não é por isto que o conceito de loiro é uma cosntrução social.''

Você está confundindo bastante as coisas agora, inverteu uma coisa na outra. O conceito de raça ''branca'' é principalmente, um conceito cultural e histórico. Já o termo raça caucasiana ou população de oeste asiáticos é bem mais científico. A construção social vem justamente do exemplo que eu te mostrei. No início do século passado, os sul europeus não eram considerados como brancos, da mesma maneira como os brancos anglo saxões e norte europeus eram. Uma das razões para os sul europeus terem sido acolhidos pelas comunidades norte europeias que entraram em contato, foi a ascensão social. Isso significa que outros marcadores, tais como a inteligência também podem interferir na definição e aceitação social.

''Nem uma nem outra,são mestiços.''

São tão mestiços quanto os mestiços daqui?
Os iranianos estão numa posição em que de fato, a raça é mais uma construção social. Se os iranianos de pele mais clara e traços europeus migrar para a Espanha, eu não duvido de que serão assimilados. Não duvido que a maioria dos espanhóis não os verão como um grupo a parte, afinal, eles não viram os judeus sefarditas a ponto de forçá-los a conversão.
Ok você pensar assim, mas passa a ideia de que não tem grande conhecimento sobre antropologia e genética. Perdoe-me fazer esta observação, mas eu não gosto muito de respostas curtas para questões complexas. Certo de que a minha impressão está equivocada mas é assim que eu penso. Concordo com você, se formos parar pra pensar pragmaticamente eles seriam mestiços. Mas é claro, pra mim ao menos, que existe alguma tendência entre eles de especialização e fixação de traços fenotípicos. Um exemplo bem claro daquilo que estou propondo pode ser visto entre os etíopes. São mestiços, 30-40% caucasóides e o resto de negróides, mas a aparência deles já parece estar fixada, combinação de finos traços faciais caucasóides e pele escura. Os povos do oriente próximo estão divididos em dois tipos, populações mestiças com relativa depuração antiga, que contribui para criar um fenótipo nacional e populações mestiças instáveis, tais como as que tem aqui na América Latina. O que não muda é a preponderância de genes de populações caucasóides europeias e não europeias nessa região.

Autor Desconhecido disse...

''Não ,a raça branca não é uma construção social,é uma realidade biologica.o fato de pessoas distorcerem seu conceito por ignorancia ou para ajustar as suas vontades e ideologia não a descaracteriza.''

Os próprios conceitos de raça e espécie são conflituosos. O próprio conceito de conceito pode ser conflituoso. Segundo a maioria dos antropólogos sérios, leia-se, racialistas, para você aceitar a existência de uma raça branca, vc pode partir do pressuposto, primeiro, de que ela apresenta variações internas, segundo, de que os povos que possam ser adequados dentro desta classificação, apresentem uma predominância de genes advindos deste grupo e terceiro, que apresentem traços fenotípicos também, característicos deste grupo. Pensando por este lado, Cavalli Sforza concluiu que tantos os europeus quanto os norte africanos e os médio orientais pertencem a uma mesmo grupo populacional.
Eu não sou contra o conceito de raça branca, mas acho que se quiser batalhar verbalmente contra nossos oponentes vc deve estar armado das melhores armas.

Autor Desconhecido disse...

''http://neuropolitics.org/Conservative-Left-Brain-Liberal-Right-Brain.htm


Repare que o cientista responsavel pela pesquisa pré conceitua oque seriam comportamentos de direita e esquerda.no conceito deste sr os direitistas vivem dentro de uma bolha enquanto os esquerdista seriam mais realistas. ''

Onde ele disse isso?

DIREITA disse...

Onde ele disse isso?


não disse,mas deu a entender .

El Misionero Matsuura Junichiro disse...

Nunca vi tanta palhaçada, como os protestos contra o Exmo. Sr. Deputado Pr. Marco Feliciano. Agora, tudo é "homofobia".

Se você não gosta do mesmo tipo de música da qual os gays gostam, você é "homofóbico".

Se você não gosta do mesmo tipo de comida da qual os gays gostam, você é "homofóbico".

Se você não gosta do mesmo tipo de carro do qual os gays gostam, você é "homofóbico".

Se você não gosta do mesmo tipo de roupa da qual os gays gostam, você é "homofóbico".

Se você não gosta do mesmo tipo de mulher do qual eles gostam,... Como???? Do mesmo tipo de mulher???? Isso mesmo!!!! eu disse MULHER, cacete!!!! Se você não gosta DO MESMO TIPO DE MULHER, do qual os gays gostam, você é "homofóbico".

Enfim, se você não gosta de qualquer merda da qual os gays gostam, você é "homofóbico".

EU ESTOU DE SACO CHEIO DESSE CONVERSA FIADA DE "HOMOFOBIA"!!!!

HOMOFOBIA É O CACETE!!!!

AF disse...

"Afinal, só interessa a 3-5% da população que é homossexual, ou nem isso, pois a maioria dos gays, nos lugares em que obteve o direito de casar, prefere não fazê-lo na prática."

Mr. X, gostaria de saber: qual é a fonte em que você viu isso?

Pode ser muito útil para mostrar aos esquerdistas.