segunda-feira, 29 de abril de 2013

Esquerdistas são psicopatas?

Uma dentista foi queimada viva por bandidos em seu consultório por ter "apenas 30 reais" em sua conta bancária. Um dos bandidos era menor de idade.

A dentista não tinha uma vida fácil. Além de ter pouco dinheiro no banco:
"Solteira, a dentista morava no mesmo imóvel do consultório (montado em 2003) com os pais e uma irmã de 42 anos com necessidades especiais -- que dependia de Cinthya para se manter." 

Já os bandidos não pareciam ser assim tão pobretões. Além de ter dinheiro para drogas, chegaram em um Audi de propriedade da família de um deles, não sei se obtido por meios lícitos ou ilícitos.

Ah, mas de que lado você acha que a esquerda vai ficar? Bem, fui lá conferir no blog do Sakamoto e, que dúvida. Eis o que ele diz:


Reafirmo, contudo, que, sim, 93% dos paulistanos (que são favoráveis à redução, pela pesquisa Datafolha) estão errados e, considerando que a lei dificilmente mudará, o melhor seria que todos contribuíssem para buscar soluções que atuem nas causas do problema. Ou alguém acha que uma pessoa capaz de entender o valor da vida ou que teve sua vida respeitada pela sociedade botaria fogo em alguém?
Vamos analisar por partes. Primeiro, Sakamoto diz que "93% dos paulistanos estão errados". Ele, o iluminado, é o único certo. Ele também fala em "causas do problema". Poderia estar se referindo à psicopatia presente em vários elementos das subclasses brasileiras, ou ao deficiente sistema penal e judicial brasileiro? Não. Lemos mais adiante que o bandido "não entendia o valor da vida" (da dos outros, pois parece bem entender o valor da sua) e "não teve sua vida respeitada". Respeitada por quem, mané? Ele teve as mesmas oportunidades que todos, ou até mais, se for verdade que não vinha de família tão pobre. E, de mais a mais, ser pobre ou ter tido uma vida difícil justifica colocar fogo em alguém?

E, no entanto, esse é o discurso não só do Sakamoto mas de toda a esquerda brasileira, que odeia a redução da maioridade penal e que vive com pena de bandido.

(Brasileira? Que nada, a esquerda é assim em todas partes. Também no caso do terrorista checheno que atacou nos EUA, já tem articulista esquerdo-americano escrevendo que a culpa é da América por ter demorado demais a lhe dar a cidadania, e não pagar um auxílio-desemprego decente -- sim, o vagabundo nem trabalhava e era sustentado pela esposa).

Ah: em todo o post do Sakamoto, não há uma única menção, uma única palavra de compaixão para a dentista barbaramente assassinada.

Eu não sei para vocês, mas, para mim, quem defende psicopatas é psicopata também.

De quem você tem mais pena?

a)

b)


Se você escolheu "a", parabéns: você é um psicopata de esquerda!

57 comentários:

Dirty Harry disse...

Olhem o depoimento dessa "jornalista":
http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2013/04/1270117-jornalista-estuprada-por-adolescente-e-contra-a-reducao-da-maioridade-penal.shtml

Que horrificante! Esquerdismo não é só psicopatia, é um estado demencial.

Autor Desconhecido disse...

O problema dos esquerdopatas não é somente aquilo que eles fazem de mal para si mesmos, mas principalmente para os outros. Ninguém numa sociedade evoluída e sã é obrigado a concordar com a sandice deles, mas não estamos nesta tão sonhada sociedade.
A questão é, até quando continuaremos parados vendo nosso mundo desmoronar? É aquilo que eu sempre digo às pessoas, todas elas que querem preservar seu modo de vida, suas crenças e suas escolhas. Esqueçam o emprego mediano na cidade grande, seja no Rio de Janeiro, Nova Iorque ou Madri, esqueçam as comodidades e luxos existentes nas mesmas. Por seus filhos, seus ideais, sua saúde mental e física, deixem suas casas e sigam para onde não são odiados e terão plena segurança.
E mais, convençam alguns de seus amigos moderadamente esquerdistas que estão descobrindo o mundo real.
O mundo gira quando as pessoas agem.
Não esperem que seus governos ilegítimos venham ajudá-los, eles não vão e não querem, muito pelo contrário.
Façam filhos e reconquistem seus territórios, especialmente na Europa.

Alessandro Paiva disse...

Desculpe a expressão, mas que filho da puta é esse sakamoto!

AF disse...

Quando vi esse caso na semana passada quase chorei e fiquei com ódio, ódio mesmo ao me lembrar do Sakamoto e de um monte de outros casos de esquerdistas defendendo "dimenores (que até citei aqui) no assassinato do Victor Hugo Deppman. Fiquei com tanta ódio que a gente até aperta a mão com os dedos, como se fosse dar um soco, bem forte.

Sei lá, estou ficando até meio deprimido em ver essas coisas e tenho muito pensado em me mudar daqui, como falei. Trabalho e ganho até bem, mas me recuso saber que meus impostos e o de milhares de conservadores e pessoas como essa dentista são usadas para sustentar essa gente.

Vejo de vez enquanto o Datena, que, apesar de ser muito criticado, não defende esses ideais esquerdistas e não se cansa de falar o que nós conservadores falamos sempre: a falta de punição nessas porcarias de leis. Punições nas quais, são impedidas, pois sempre surgem "intelectuais" e achismos idiotas dessa corja.

Dá vontade de pegar esses intelectuais e dar a eles o mesmo troco que pessoas inocentes sofreram nas mãos dos "dimenores".

O pior é que tem uns que não aprendem e mesmo depois de uma experiência traumática continuam os mesmos, como o caso dessa jornalista hipócrita que foi estuprada por um "de menor" e mesmo assim é contra a redução da maioridade.

Na entrevista ela vem com aquele mesmo mimimi de compaixão pelo bandido, mas nem uma por ela mesma e outras possíveis vítimas que esse bandido já pôde ter feito, pois ela mesma demonstra que ele já era conhecido, é rápida em condenar o que os policiais diziam contra esse bandido, mas ao mesmo tempo é rápida em condenar quem é a favor, e essa jornalista também vem com aquela mesma técnica que os esquerdistas estão usando de confundir justiça com vingança. Tudo devidamente refutado pelo Reinaldo.

Se bem que depois que vi aqui, esquerdistas falando que prefeririam ser mortos por gangues do que serem chamados de racistas, um falando que quem é contra o aquecimento global tem que morrer, mas é contra a pena de morte e outras coisas, não duvido de mais nada!

AF disse...

E essa feminista que foi estuprada no Haiti, que conta que ficou grata pela experiência e culpa o homem branco Ocidental por ter sido estuprada?!

O pior é que o depoimento dela é hilário!!

Veja o que ela diz: "Ele não se importou que eu fosse uma estudiosa do Malcolm X. Ele não só mandou-me calar como deu-me uma bofetada. Sobrepujada, parei de lutar a meio da noite."

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

É claro, em um país como o Haiti todo mundo sabe quem foi o Malcolm X. Como disse um comentarista lá:

"Incrível...

Realmente, seria de esperar que os pretos violassem mulheres que não estudaram os ensinamentos do Malcom X. Agora, um preto violar uma estudiosa do Malcom X? Este mundo está perdido. O que virá a seguir? Comunistas a roubar e matar proletariado?
"

Dá até para imaginar a cena:

Negão:
- TIRA AS ROUPAS, AGORA!!

Feminista:
- Ái, não, por favor, para, não faça isso, sou feminista, determinada a preservar a identidade do homem negro, estou aqui para ajudar e estudo o Malcolm X.

Negão:
- CALA A BOCA!!! *PAFF*

Feminista:
- ......................... [poker face]

Negão:
- Ái, Ái...... hhhhhhhmmmmmmmmmmmmmmmmmmm... delícia..... *suspiro*.... áááááááááiiii.... ááááááááiii.... hhhhhmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm!!!

Feminista (dias depois):
- Nunca me vi como alguém que se tornaria o receptáculo da raiva do homem Negro contra o mundo branco, mas foi nisso que me tornei. Embora eu me oponha ao comportamento do meu irmão, estou grata pela experiência. Ela despertou-me e fez-me entender de um modo mais profundo o nível de terror que as minhas irmãs experimentam diariamente.

Gente do céu, como a esquerda transforma um ser humano numa pessoa extremamente burra, ignorante e incapacitada de reconhecer coisas óbvias!

O melhor mesmo é prisão perpétua ou talvez até mesmo, me desculpe, ser mais radical e eliminar essa gente que não tem compaixão nenhuma pelas pessoas de bem, mas tem com bandidos.

Não dá para aguentar isso, definitivamente não dá.

Autor Desconhecido disse...

Af,
segundo você, os conservadores são favoráveis a ''mais punições''.
Como eu não posso me declarar como um típico conservador, eu lhe digo sem dó na consciência que esses tipos não só merecem mais punição, mas merecem ser arquivados do convívio civilizado e usados como experimentos científicos, chega do uso de animais inocentes, ratos, coelhos, cachorros, gatos, macacos... animais que não podem se defender da frieza humana, eles também sentem, querem viver suas vidinhas sem maltratar ninguém, já dependem da piedade dessa desgraça de espécie humana, ainda precisam torcer instintivamente para não serem escolhidos para a rampa da morte
e pra quê??
Pra salvarem vidas de delinquentes como esses??
Se algum dia eu conseguir chegar onde quero, eu vou lutar para que esse absurdo chega corrigido.
Este mequetrefe desgraçado será o primeiro a ser usado, vamos ver como ele irá reagir se for retirado um de seus pulmões, só de imaginar a cena eu já fico excitado.
Eu amo ver gente má sofrendo aquilo que elas proporcionaram para as suas vítimas inocentes e aos familiares delas. Chame do que quiser, vingança, sentimento anti cristão... pra mim o ''eu ofereço a outra face'' é um dos maiores disparates que uma pessoa racional poderia dizer. Para o meu inimigo eu ofereço toda a força negativa da minha alma, eu risco o demente do mapa sem piedade.
No hay que perder o bom senso, jamais.

Sobre o caso da feminista, será que ela gostaria que eu a fodesse também?
Eu falo pra ela que eu sou um pobre rapaz latino americano, vítima do homem branco mau,kkkkkkkkkkk
Aaaa mas ela apanharia tanto...
Eu não sou frio, mas com gente sem moral e pior, no poder, no centro das decisões, não é tecnicamente possível ter bom senso.

Autor Desconhecido disse...

Sobre o caso da Femenista retardada mental,
Af,
você sabe quem irá perder feio num mundo dominado por muçulmanos???
Os esquerdopatas.

O que é interessante notar é que o futuro será muito diferente para eles, em todos os lugares são os conservadores que mais fazem filhos. Mesmo que empurrem milhões de latrinos para os EUA, no futuro quanto mais este país se parecer com o México, mais católico e conservador ele será. Os únicos que poderiam salvar o seu modo peculiar de vida e de ''inteligência'' deveria ser por meio dos brancos, mas como são odiados,kkkkkkkk, a grande maioria dos esquerdopatas são brancos você sabe.

http://jaymans.wordpress.com/2013/04/18/another-reminder/

André Costa disse...

Minha teoria é que esquerdistas têm partes do cérebro defeituosas. Esse defeito pode ser genético, mas é principalmente adquirido. Anos de doutrinação atuam para "viciar" o jeito de pensar do indivíduo, o cérebro se molda (ou se deforma!) porque o pensamento passa a ser linear e mais simples, isto é, as células "evoluem" para o modo de mais eficiência energética nos processos físico-químicos. É como ter um sistema complexo de energia apenas para suprir uma máquina de funcionamento simples e constante. A solução racional é simplificar o sistema. Mas, uma vez simplificado, ele não pode mais suprir demandas complexas. O cérebro esquerdista não consegue processar todas as informações sensoriais disponíveis (exemplo: a empatia pela vítima nunca é computada), nem as implicações lógicas das idéias absurdas que surgem do mau processamento das poucas informações levadas em conta. É um ciclo vicioso que atrofia cada vez mais o cérebro. Vejam, por exemplo, que todos os "esquerdistas curados" não sofreram muitos anos de doutrinação (eram apenas jovens idealistas), tem QI elevado (seu hardware é naturalmente mais complexo), e saíram da esquerda ainda jovens (com pouco dano). A partir de uma certa idade acho que a doença é irreversível.

Autor Desconhecido disse...

http://veja.abril.com.br/eleicoes/politicometro/

Teste interessante

El Misionero Matsuura Junichiro disse...

Tenho pena da dentista. Quanto ao bandido, VTNC pra ele!!!!

Autor Desconhecido disse...

André Costa,
eu te recomendo o site ''Neuropolitics''. Estou achando realmente muito interessante. Pelo que parece, os esquerdistas (liberais nos EUA) tendem a ter uma maior atividade no ''cérebro direito'' enquanto que nos mais conservadores é no ''cérebro esquerdo'' que ocorre maior atividade. (invertido, mão esquerda=cérebro direito mão direita=cérebro esquerdo).
Claro, não é especificamente assim, porque o processo é bem mais complexo, mas podemos simplificar dessa maneira sem distorcer a ideia principal.
Outra diferença marcante entre os dois grupos é a maneira como interpretam as coisas. Os esquerdopatas apresentam uma forte tendência de interpretação ambígua e relativa enquanto que os direitistas e direitopatas tendem sempre a pensar de maneira binomial, ou seja, dando valores antagônicos a tudo.
No final podemos concluir
OS DOIS ESTÃO ERRADOS
e zefini

jbitten disse...

Pois é, Mister, senti vontade de comentar esta, pq, por incrível que pareça, concordamos (pelo mns em parte...). Mas não acho que o problema seja buscar psicopatias em qualquer orientação do espectro político - isso é politizar a bobagem. A questão não é diminuir a maioridade penal (embora eu até possa concordar com essa bobagem politizada). A questão é que a sociedade - e não apenas a pequena burguesia (que, suspeito, vc considera como "a sociedade") - quer vingança contra tais atos. E deixemos claro: vingança, no caso, não é ameaçar com cadeia toda vez que um moleque rouba um celular (alíás, pq "16" e não "14", por exemplo?.. Ou "12"?..) A questão é estabelecer uma categorização para "crimes hediondos" e fazer um plebiscito para que a sociedade (toda, e não apenas pequeno burgueses enlouquecidos de medo) decidir sobre aplicar a única pena razoável para um crime desses - matar o culpado. Aí, o Congresso trata de regular a coisa, depois de amplo debate, e se passa a aplicar. E se der merda, a sociedade trata de assumir a responsabilidade, já que foi sua opção. Provavelmente vai dar merda, mas essa é outra história... O problema é que um monte de esquerdistas e direitistas de bar chique (atualmente, vc sabe, existem ambas as tais figuras...) acham que alguém devia assumir a responsabilidade de fazer merda, para que, quando a dita feder, uns coloquem a culpa na direita e os outros, na esquerda. Aliás, esta "doença infantil" de esquerdistas e direitistas, ou seja, querer achar lideranças ou formadores de opinião que assumam a responsabilidade pelos devaneios que lhes vão na cabeça, não é de hoje. E deixo bem claro: se tal plebiscito acontecesse, eu certamente votaria pela pena de morte - pq o nome correto é este, mesmo. Por sinal, lendo os comentários ao seu post, não encontrei um único em que a coisa estivesse colocada de modo correto, apenas comentários sobre as sandices que aparecem na imprensa.
Grande abraço de seu leitor "esquerdopata estalinista assumido", o bitt.

Autor Desconhecido disse...

http://www.midiasemmascara.org/artigos/governo-do-pt/14090-da-arte-de-viver-entre-guris-do-crime-e-garis-intelectuais.html

TEXTO PERFEITO!!!!!

Analfacleto disse...

Autor Desconhecido:
"Sobre o caso da feminista, será que ela gostaria que eu a fodesse também?" Tenha muito cuidado para não contrair HIV, a maioria destes intelequituais está bichada.

Chesterton disse...

http://www.examiner.com/article/new-study-confirms-economy-was-destroyed-by-democrat-policies?CID=examiner_alerts_article

Anônimo disse...

http://noticias.uol.com.br/internacional/ultimas-noticias/2013/05/01/presos-confirmam-ter-se-livrado-de-mochila-de-suspeitos-de-atentado-de-boston-diz-jornal.htm

Tem americano ajudando terrorista pra ajudar o amigo. (Além de ter vadia americana sustentado terrorista para ter...)

Autor Desconhecido disse...

Analfacleto
não exagere,kkkkkkkk

Ainda mais com elas, ué não viu esta femenista do relato do AF??
Com essa raiva toda contra o sexo oposto elas ficam a deriva no mercado do ''amor''.
Pra mim, ela tava um tempão sem transar, aí veio um jovem e a estuprou.
Adorou a iniciativa mas achou que pegaria mal se contasse a verdade, então resolveu inventar essas besteiras.
''Garota'' ixperta

Anônimo disse...

Eu ainda não li o artigo mas vou arriscar uma resposta:

-Depende.

Acho que nem todo esquerdista é psicopata (*vide Ferreira Gullar, Alain Soral, Carlos Vereza, e... e... Peraí... Dêxa vê... Bom, toda regra tem sua exceção, né Rsss). Mas TODO PSICOPATA (toda essa mentalidade psicopática) se ALIMENTA nas IDEIAS de esquerda, acabando por RENOVAR toda essa engrenagem revolucionária (psicopática na essência), fazendo-a funcionar a todo vapor e sempre na direção errada.

Uma outra pergunta:

Quando é que a gente vai tomar vergonha na cara e parar de dar ouvidos às teorias de esquerda?




Anderson Silva

Anônimo disse...

Outra coisa:

Não sei por vcs, mas desde que a minha ficha caiu, caindo do cavalo revolucionário (a DESILUSÃO é uma benção!) à respeito da ignomínia esquerdista (a PSICOPATIA MESSIÂNICA ORGANIZADA), eu tive que desenvolver uma PACIÊNCIA pra poder aguentar o nível por vezes INSUPORTÁVEL da canalhice dessa gente (que acaba- pela INFLUÊNCIA CULTURAL GRAMSCIANA- transpondo o seu caráter para o reto da sociedade... Hoje eu compreendo melhor o significado do termo 'APOCALIPISE ZUMBI' e do porquê das infestações sempre começarem pelo cérebro).

Lidar com esquerdistas vai se tornando uma VIRTUDE (??) das mais difíceis, exigindo um dispêndio de energias cada vez maior.

Meditações, orações e contar até 100 (ou 1000 para os novos Neos) caem bem nessas horas de confronto com a

'Maldade risonha...

De ar inocente...

Cheia de boas intenções...

E dissonância cognitiva...

Que envergonha nossa condição de gente...

E só consegue produzir desesperança e confusão onde vinga...

Desfazendo numa boa...

O sonho de uma vida mais honrada, justa, bela, honesta e inteligente...

Cheia de sentido e fé.'




...


Mas vejamos o LADO BOM (é sério |¬)): essa MENTALIDADE DOENTIA, PERVERSA, acaba nos impondo uma transformação MORAL, INTELECTUAL & ESPIRITUAL que tz num outro contexto seria inconcebível; pelo menos tem sido assim pra mim (e que pelas nossas falhas e limitações humanas, essa transformação nunca foi uma tarefa fácil mesmo).




Anderson Silva

Anônimo disse...

jbitten,


Tb acho que vai dar merda.


Cadê os projetos pra construção de pelo menos uns 10 presídios GIGANTES de segurança máxima que possam comportar os futuros "guris" do crime???

Falar em maioridade penal SEM RESOLVER PRIMEIRO a inoperância (obsolescência) das leis que vigoram hoje no país é PIADA! Cana de 10 anos pra assassino estuprador?? Cinco anos por ser réu primário?? Indulto de natal pra vagabundo psicopata??...

Como diz o datena: -Me ajuda aí, pô!.

Todo esse "clamor social" contra os crimes cometidos por esses Hannibals-teens é só o LASTRO de uma indignação que deveria ter começado a trinta anos atrás.

Nenhuma sociedade saiu ilesa da brincadeira revolucionária.

Agora é tarde.

Não vamos clamar ou reivindicar por mais leis. Somos o país das 180 mil leis!! Que porra é essa?!

O que temos a fazer nesse país infestado de comunistas, fascistas e marxistas desbotados, além de chorar os nossos mortos e temer por nossas crianças e entes queridos, é TRABALHAR, ATUAR no sentido de EXPOR as causas da violência.

Necessário antes LIGAR OS PONTOS ENTRE CAUSA & EFEITO e mostrar para a população (já cansada de tanto discurso politicamente-correto e de ter amarrada sua vida a essa BURrOCRACIA ESTATAL feita de 180 mil engrenagens que torna as nossas vidas um inferno) os VERDADEIROS CULPADOS por esse estado de coisas.

Dar nome-aos-bois e EXPÔ-LOS em público, a céu aberto, mostrando que, para sairmos desse estado de coisas, é só NÃO SEGUIR MAIS a conversinha mole dessa putada da esquerda (principalmente os já CONSAGRADOS INTELECTUAIS, ARTISTAS & A TURMA DA IMPRENSA JORNALÍSTICA) e começar a RETOMAR o caminho antigo à DIREITA da História, conservando a disciplina, o bom senso e a VIGILÂNCIA do bom soldado.

Mas quem nesse país imenso & manso pretende "conservar" a virtude da CORAGEM (pra tudo isso sobresair) e essa nação poder pelo menos vislumbrar um tico de amanhecer civilizatório?





Anderson Silva

AF disse...

Autor Desconhecido,

O problema é que falar isso numa sociedade politicamente correta como a nossa é bem complicado, se bem que podemos argumentar que quando vemos notícias em que fdps matam inocentes, é normal vermos comentários falando: "esse cara tem que sofrer até e morrer", e esses comentários são comuns pela indignação das pessoas e que sentimos indignados também ao ver gente defendendo bandidos, pois colaboram diretamente para que coisas assim aconteçam.

AF disse...

Até parei para pensar que essa questão da maioridade talvez poderá ser discutida nas eleições o ano que vem e o oponente do PT talvez poderá usar isso como vantagem nas eleições.

Mas no ano que vem, infelizmente o PT será eleito sim e o critério para saber isso é simples: se a Dilma se candidatar, o Nordeste, e talvez Minas Gerais, Rio e outros Estados do bolsa família votarão nela. Se a Dilma indicar o santinho que não tem nada de santo, Joaquim Barbosa, idem. Se a Dilma indicar um ditador como o Lênim ou Fidel, idem também. Simples.

Me lembro em 2010, no orkut, antes das eleições, tinha um Nordestino realista falando numa comunidade lá do Nordeste: "gente, de boa, tá cheio de gente do Sul e do Sudeste indignada com a possibilidade de nós elegermos o PT. Chegou a hora de mostrarmos que não somos uma região dependente do governo, mas parece que tem gente aqui que gosta". E o que ele obteve como resposta?

"DILMA 13!"

Infelizmente será assim, mas talvez até Estados que não votam muito no PT já elejam a Dilma também, como já quase aconteceu no Rio Grande do Sul, pois a esquerda está cada vez mais chegando no Sul do Brasil e em São Paulo. A natureza da esquerda é essa: impor o interesse dela a todos. Por isso que não vejo com bons olhos o lance de separatismo no Brasil.

E também, quem é conservador sabe que não existe partido de direita no Brasil, que o PSDB é um pouquinho menos de nada a esquerda do que o PT e que é até complicado a questão de voto, pois alguns argumentam que se votarmos no PSDB estaremos elegendo a esquerda do mesmo jeito e se votarmos em branco estamos colaborando para que o PT vença, pois fica indiferente a quantidade de votos no PT e no seu oponente.

Autor Desconhecido disse...

''Autor Desconhecido,

O problema é que falar isso numa sociedade politicamente correta como a nossa é bem complicado, se bem que podemos argumentar que quando vemos notícias em que fdps matam inocentes, é normal vermos comentários falando: "esse cara tem que sofrer até e morrer", e esses comentários são comuns pela indignação das pessoas e que sentimos indignados também ao ver gente defendendo bandidos, pois colaboram diretamente para que coisas assim aconteçam.''

Af,
eu não acho que a maioria da população é politicamente correta, ao menos não aqui no Brasil, talvez na Suécia de 3 anos atrás. Aqui, principalmente, foi através do uso da força e da chantagem que o povo tem sido forçado a evitar ir mais fundo para fora da fronteira do politicamente correto. Por uma mera questão de
chantagem (ou vc fica quieto ou te processamos)
e de diferença cognitiva e moral
cognitiva pq (até nisso nós nos f$%mos) porque os esquerdopatas são mais ''espertos'' do que a média, pq no nosso país, os inteligentes são raros, os muito inteligentes são confundidos com et's, o negosso é medir por grau de esperteza e nisso, os esquerdopatas são realmente mais espertos que o resto
Diferença moral
as pessoas mais conservadoras tendem a acreditar em questões morais. Não há nada de errado nisso, só quando vc tenta para início de conversa, debater com quem acredita que a moral é sempre subjetiva
Como eu falei em um comentário anterior, eles não estão de todo errado em muitas coisas, porém são o extremo oposto dos conservadores, na natureza nunca é o maior ou mais forte ou mais inteligente que sobrevive, mas o mais adaptado
Pra mim, o sentido de adaptado é o mesmo que equilibrado, ou seja, apresentar uma combinação de traços que podem ser úteis em diversos tipos de ambientes.
Eu poderia prever o futuro da seguinte maneira, esquerdopatas e direitistas (sendo que muitos deles de direitopatas) se atracando nas ruas enquanto que os moderados ou híbridos dos dois esperando a briguinha terminar.

Autor Desconhecido disse...

http://www.plox.com.br/caderno/homem-e-mulher/pesquisa-provoca-polemica-ao-ligar-beleza-a-inteligencia

A inteligência do brasileiro de classe média é apavorante
veja como eles interpretam uma pesquisa científica

goyms inferiores,
KKK

Anônimo disse...

DESCONHECIDO: "Como eu falei em um comentário anterior, eles não estão de todo errado em muitas coisas, porém são o extremo oposto dos conservadores,[...]"


O problema pra quem é de esquerda NÃO se encontra no DIAGNÓSTICO dos fatos (nisso eles por vezes são até MUITO MAIS realistas do que muitos conservadores que insistem em ficar repetindo o discurso do PIU-PIU, evitando se confrontar com a realidade terrível), mas na INTERPRETAÇÃO desse diagnóstico e na PRESCRIÇÃO DO MEDICAMENTO.

O DELÍRIO DE INTERPRETAÇÃO sempre irá levar o paciente (a sociedade) na direção do óbito (e pior, sem que os médicos se sintam culpados pela cagada, fazendo com que estes ainda saiam como heróis da justiça e protetores da humanidade).

Como a coisa NÃO melhora (o sentimento de justiça, de EQUILÍBRIO, equanimidade), vai-se criando aos poucos uma INSATISFAÇÃO SOCIAL, um RECALQUE psicológico, alimentado por essas FRUSTRAÇÕES SUCESSIVAS conseguidas nas ações (políticas) da mentalidade esquerdista.

As CRISES se estabelecem em pouco tempo.

As crises exigem solução imediata.

Quem poderá nos defender?

"Sigam -me os bons", dirão a ÚNICA FORÇA DE COESÃO SOCIAL QUE RESTOU NA PRAÇA, isto é, as mesmas criaturas que implantaram as tais CRISES... Isto é, a 'maldade risonha de ar inocente cheia de boas intenções e dissonância cognitiva'.

Aí, em vez de dizermos em alto e bom som: -Gentalha! Gentalha!, os bons e inteligentes tenderão ao choro do Quico: -Grrrr!, e não farão absolutamente nada.

===


"[...] na natureza nunca é o maior ou mais forte ou mais inteligente que sobrevive, mas o mais adaptado.[...]"


Taí, não tinha me dado conta disso quando estamos a falar de esquerdistas.


==


"[...]Pra mim, o sentido de adaptado é o mesmo que equilibrado, ou seja, apresentar uma combinação de traços que podem ser úteis em diversos tipos de ambientes."


A solução para DERRUBAR essa turma do rebú revolucionário é aquela que o prof. Olavo de Carvalho já recomendou:

Criar o ÚNICO TIPO DE AMBIENTE do qual a esquerda NÃO está adaptada e tende a se desequilibrar: o do DESMASCARAMENTO IMPIEDOSO E TOTAL das suas alminhas perversas e desumanas. Mostrar pra essas alminhas cínicas e maliciosas que elas valem tanto quanto valem os seus inimigos ideológicos e que eles supostamente acham que tb são os inimigos da humanidade inteira.

Lembram do Dorian Grey?

Não há vaidade, orgulho e altivez de espírito que suportem o confronto público consigo mesmo.

Se disso vier a vergonha suicida, tanto pior pra eles mesmos; se vier o genuíno arrependimento, tanto melhor pro resto da humanidade.





Anderson Silva

Anônimo disse...

Seja um bom menino e cumpra suas prerrogativas de derrotado, deixando os "excluídos ideológicos" matarem em paz em nome da igualdade e da justiça social. Mas, claro, não se esqueça de adivinhar qual o valor que os 'vencedores da peleja revolucionária' querem ver no seu bolso... Isso é questão de vida ou morte (vida no shopping pro "menor", morte dolorosa pra você).


http://www.midiasemmascara.org/artigos/governo-do-pt/14101-pedagogia-do-crime.html




Anderson Silva

Autor Desconhecido disse...

Anderson Silva,
concordo com quase tudo o que disse, menos que ''temos de criar um ambiente em que os esquerdistas não estejam adaptados''.
Eu acredito em algumas coisas,
uma delas é que os esquerdistas (que são um grupo heterogêneo) são o futuro da evolução humana. Vivendo na cidade, convivendo com pessoas de diferentes culturas, raças e religiões, os esquerdistas apresentam vários traços positivos que tornam a sua estadia nas aglomerações humanas vantajoso. Nos EUA, do meio rural até as zonas 'suburbanas'', a maioria da população caucasiana é composta por conservadores.
Os esquerdistas são uma resposta aos conservadores, o que para muitos seria visto como uma coisa infantil na realidade está cada vez mais parecendo uma realidade biológica do ser humano. Poucos são os humanos que não precisam conviver em bandos, em grupos, a maioria necessita disso porque é como aquela situação: ''em grupo somos mais fortes''.
Precisamos continuar a andar para frente. Os próprios esquerdistas gostam de dizer que a evolução não tem somente uma possibilidade, eu concordo. Mas como eu li algum tempo atrás, me parece que o futuro dos brancos ao menos, é o progressismo, claro, melhorado em comparação com os excessos que estão sendo praticados nessas últimas décadas. No futuro, os homens terão menos testosterona, as mulheres menos estrogênio e provavelmente o fenótipo caminhará para alguma androginia. Mais caucasianos apresentarão algum tipo de autismo, principalmente os tipos borderline (alguns chamariam de nerdismo) e Asperger. Mais mulheres brancas e das mais inteligentes (que geralmente perseguem carreiras acadêmicas e abdicam por décadas da maternidade) terão filhos na casa dos 35-45 anos. Já é comprovado que isso contribui para o aumento de autistas de diversos tipos, que por sua vez contribui para o aumento de canhotos. Ambos estão relacionados com tipos de inteligência acima da média e também de extremos. Nascerão mais gênios, mas também mais idiotas e a seleção, talvez menos natural do que no passado, irá trabalhar para selecionar os melhores, porque é totalmente lógico pensar assim. Eu acredito que os judeus ashkenazi são a próxima evolução dos brancos, uma população pequena, com alta média de qi, elevado percentual de canhotos e consequentemente de transtornos mentais, que por sua vez, fazem aumentar a criatividade e curiosidade, dois dos traços mais importantes da inteligência. No entanto, os judeus ashkenazi evoluíram muito antes que qualquer outro grupo, pode-se concluir que este processo tem apresentado efeitos muito ruins a esta população como o excesso de doenças auto imunes (repare que os canhotos também tem uma tendência para este tipo de doença), paranoias e psicoses e consequentemente grandes problemas de convivência a longo prazo com as populações de acolhimento.
É uma especulação amadora minha, mas lendo tudo o que tenho lido, faz sentido pra mim.
O que eu acho que se deveria fazer e que eu acho que está sendo feito é a seleção dos grupos intermediários entre os 'liberais' e 'conservadores'. Nos EUA, os conservadores são os que mais fazem filhos, juntamente com os ''híbridos'' dos dois grupos antagônicos.

Autor Desconhecido disse...

Os esquerdistas ou liberais evoluíram na hora errada, seria maravilhoso pensarmos numa sociedade em que todos são geniais, bonitos e passíveis de melhora, não é a realidade, infelizmente.
Eu parto dessa minha ideia de acordo com os estudos do cientista Satoshi Kanazawa que formulou a teoria da ''Savana africana'' em que as pessoas mais inteligentes tendem a buscar comportamentos evolutivamente novos,ou seja, que não existiam no nosso passado. Ele construiu a sua teoria baseando-se no comportamento dos pássaros, observou que aqueles que buscavam diferentes trajetórias, não- conhecidas, tinha cérebros maiores do que aqueles que seguiam as trilhas já estabelecidas. Eu também criei esta ideia de acordo com o comportamento dos bonobos, que são considerados como os nossos parentes evolutivos mais próximos, são os mais inteligentes dentre os primatas e veja só, exibem comportamento bissexual.
Agora, isso não significa que não tenham conservadores extremamente inteligentes, por favor, inclusive eu acredito que os mais inteligentes sequer possam ser definidos dentro destes termos, principalmente por causa de suas tendências individualistas muito marcantes.

Alanis disse...

Uma dúvida: Para maioria das pessoas que defendem a permanência dos 18 anos como maioridade penal e alegam que é o ambiente que está tornando os jovens em futuros hannibals, pergunto: e o dia que essa fantasia de um Brasil evoluído virar realidade? E quando a educação for boa, qualidade da saúde melhorar, entre outros pontos que hoje servem como escudo. Como vão tratar esses meninos?
Li em um fórum que países desenvolvidos tiveram redução na taxa da criminalidade e que assassinatos quando ocorrem são fatos isolados. Bom, e como são tratados esses fatos isolados? Como será tratado esse fato isolado no Brasil? Qual será o escudo naquele momento? “os jovens estão sofrendo muita pressão social para alcançar o sucesso” ou “foi aprovado em muitos vestibulares e não aguentou a pressão” ?
O mundo jaz no maligno, como diz os cristãos e segundo o personagem de Kevin Spacey em Os Suspeitos "A maior jogada do Diabo foi convencer o mundo que ele não existe.” E aqui a maior jogada é convencer de que estes jovens assassinos não são malignos, são apenas e tão somente vítimas de um ambiente hostil.

AF disse...

AD,

Eu poderia prever o futuro da seguinte maneira, esquerdopatas e direitistas (sendo que muitos deles de direitopatas) se atracando nas ruas enquanto que os moderados ou híbridos dos dois esperando a briguinha terminar.

Talvez isso acontece já na Alemanha, pois de vez enquanto há brigas entre Skin Heads e gente da direita raivosa lá contra os de extrema-esquerda e a mídia, como sempre, joga toda a culpa na direita.

AF disse...

Ânderson Silva:

(nisso eles por vezes são até MUITO MAIS realistas do que muitos conservadores que insistem em ficar repetindo o discurso do PIU-PIU, evitando se confrontar com a realidade terrível)

Ah, não sei não... nunca vi um caso assim, mas você pode citar exemplos?

Anônimo disse...

AF,


Eu tinha dito lá em cima:

(nisso eles por vezes são até MUITO MAIS realistas do que muitos conservadores que insistem em ficar repetindo o discurso do PIU-PIU, evitando se confrontar com a realidade terrível)

Beleza... O que eu precariamente quis dizer é o que o 'Olavão' (para nÓÓÓssa alegria!) mostra nos seus artigos, sobre como os esquerdistas (pelo menos os ditos intelectuais, os planejadores) estão SEMPRE PRONTOS e DISPOSTOS a MUDAR suas estratégias políticas caso dêem com os burros n'agua.

Mas é da NATUREZA da mentalidade revolucionária TRAIR sua própria história e seus IDEAIS ao longo do processo revolucionário.

A "realidade" pra eles é somente instrumental e temporária e não possui uma natureza CONTINGENTE, complexa e ATEMPORAL, metafísica (o raciocínio é de trás pra frente... Os fins, a verdadeira realidade plena e sem problemas já está FIXADA no tal FUTURO HIPOTÉTICO... Qualquer ação que me leve na direção desse alegado- e "certo"- futuro será bem vindo, independente das consequências que eu for deixando pelo caminho).

Isso me parece que é a sua MAIOR FORÇA e ao mesmo tempo seu tendão-de-aquiles. É aí que eles devem ser "atacados", não sem antes APREENDERMOS esse mecanismo mental às avessas (doentio mesmo) e sem que também nos disponibilizemos a 'dar-o-braço-a-torçer' sobre nosso modo de operar dentro dessa dinâmica de GUERRA CULTURAL no qual essa turma da esquerda enfiou todo mundo (e isso- de uma certa forma- até que tem seu lado positivo).

E a nossa vantagem (pra qualquer um que NÃO se coadune com essa MEEEERRRDA de revolução) se encontra no fato de possuirmos um entendimento, uma 'INTUIÇÃO PRIMORDIAL' de que não se deve dar as costas ao passado e a tradição das coisas existentes (o que não quer dizer que conservadores sejam ANTIPROGRESSISTAS "bitolados" e "medrosos" com relação ao futuro e à mudanças (um tipo de FALÁCIA que não dura 30 segundos no dia-a-dia de qualquer nação civilizada ou não).


==


AF: "Ah, não sei não... nunca vi um caso assim, mas você pode citar exemplos?"


ANDERSON SILVA: Os exemplos parecem que vão ficando cada vez mais raros nesse meio da esquerda (tz pela própria dinâmica revolucionária que caminha pra uma entropia... O feitiço virando contra o feitiçeiro?).

O françês Alan Soral é um desses caras bastante realista. Acho que foi ele um dos primeiros a reparar na islamização da sua (dele) Europa e da perda das autonomias nacionais para os agentes estrangeiros da ONU (implantando sua sutil e irreversível NOM).

Dêxa ver... Quem mais?... Bom, yo No creo en brujas, pero que las hay, las hay.
|¬)

Eu acho que o Luiz Felipe Pondé tem uma 'vibe' que tomba para um pensamento à esquerda (sem ser revolucionário).

Deve haver algo que ainda possa ser aproveitado dos escritos antigos dos principais ícones do socialismo, né possível... Algo que na época não se levou em conta, sei lá. Deus dotou a todos de capacidades intelectuais. Alguns simplesmente (e infelizmente) deram muita tréla às seduções do tinhoso (que acabou sendo "destituído" do seu "troninho espiritual temporário", fazendo com que a humanidade perplexa deixasse de crer nele e tomasse ÓDIO ETERNO contra si mesma).

Eu sempre desconfiei que o Comunismo era uma espécie de Keyser Soze, só que mais "parrudo" e inteligente.



ABS aí, meu brother.





Anderson Silva

autor desconhecido disse...

''Talvez isso acontece já na Alemanha, pois de vez enquanto há brigas entre Skin Heads e gente da direita raivosa lá contra os de extrema-esquerda e a mídia, como sempre, joga toda a culpa na direita.''

AD,
claro que isso acontece, a mídia é um dos ambientes mais esquerdistas da sociedade, aliás existe até uma santa trindade
jornalismo
educação
e
psicologia

Anônimo disse...

Off Topic:

Vc é um cara esperto, Mister, sem ironias. Mais esperto, aliás, do que vc se atreve a demonstrar aqui no seu blogue. Por isso, eu tenho certeza de que, mais cedo ou mais tarde, a ficha vai cair pra vc no que diz respeito a certos assuntos -- um texto aqui, outro texto ali e com o tempo vc vai acabar ligando as coisas.

http://irishsavant.blogspot.com.br/2013/04/food-for-thought.html

http://irishsavant.blogspot.com.br/2013/03/germania-delenda-est.html

http://irishsavant.blogspot.com.br/2013/04/the-opostles-of-degradation.html

http://irishsavant.blogspot.com.br/2013/05/ethnic-evolutionary-strategies.html

Continue com o bom trabalho.

AF disse...

Ânderson Silva,

Obrigado e é interessante o que você falou.

Me lembrou até de um exemplo que conheço também.

Veja esse excelente blog que mostra as verdades sobre o islã: http://infielatento.blogspot.com.br/

O próprio autor se declara esquerdista:

Ser anti-imperialista ou de esquerda não significa que tenho que me alinhar a islamo-facistas só porque eles são anti-Americanos. Muito pelo contrário. Eu creio que direitos humanos universais são uma conquista da humanidade e que vale a pena defende-los, seja contra imperialistas, seja contra islamo-facistas.

O blog é excelente: denuncia a perseguição de cristãos, a liberdade de expressão, o duplo padrão e muito mais. O blog é excelente mesmo e tirando o esquerdismo do autor eu tiro o chapéu. Exemplos assim existem na esquerda, mas são raríssimos e poderiam ser excomungados da esquerda caso fossem famosos ou pertencessem a alguma filiação partidária.

Assim como há gente na direita que insistem dizendo que nem todas as religiões são iguais, que o islã é paz, etc., etc.

Note que o que o autor do blog citado até escreveu aquela fala que ser esquerda não significa que tem que se alinhar ao islamismo. Talvez ele reconheça as críticas de que a maioria pró-islamistas (de que todas as religiões são iguais e blá blá blá) são de esquerda, o que faz todo sentido, afinal eles não buscam a maldita igualdade?

Acredito que isso é porque há pessoas que são contaminadas pelo vírus esquerdista, mas a doença não se desenvolveu como todo e não afetou certas partes que ficaram bem imunes, mas são exemplos raros.

Assim como há pessoas na direita que são um pouco contaminadas pelo vírus esquerdista igualitário também.

Abraços.

AF disse...

correção: **assim como há gente da direita que insiste que todas as religiões são iguais.

AF disse...

Autor Desconhecido:

Exato!

Veja que engraçada essa notícia: Bavária classifica blogue anti-islão de "inconstitucional"

O jornal desce a lenha na direita, mas no final, mostra que o número de atentados violentos da esquerda é muito maior, mas quase que numa mera nota de rodapé sublimar.

Que raiva dessa mídia!

Anônimo disse...

Aw, this was an incredibly good post. Spending some time
and actual effort to produce a good article… but what can I
say… I hesitate a lot and never seem to get anything
done.

Feel free to surf to my blog post ... Replica Watches

Autor Desconhecido disse...

Af,
não tente usar a razão para entender essas pessoas obscuras. Bem, a única forma racional de entender essas atitudes totalmente sem pé nem cabeça é que, eles, não os esquerdistas, mas os seus mestres, almejam destruir a civilização, criar um ''novo mundo''. Por isso é necessário dissolver qualquer aparato que mantenha a sociedade 'nesta ordem'. Os esquerdistas são usados como massa de manobra e apresentam todos os traços, primeiro, necessários para confundir e chantagear os outros e segundo, traços perfeitos para uma futura domesticação completa da espécie humana.
A gente odeia os esquerdopatas, mas vai me dizer que eles não conseguem nos enganar? Eles demonstram
''ingenuidade'', ''só querem fazer o bem'', ''corrigir as injustiças'' etc
De fato, dentro dessa população, assim como de qualquer outra, existe muita complexidade. Existem pessoas realmente com algumas aptidões cognitivas e nenhuma aptidão instintiva e outras que são no sentido mais puro da palavra, uns malandros de marca maior.
Outra coisa que eu li, sinceramente achei meio estranho, mas para alguns deles pode servir... as pessoas com tendências ''liberais'' tenderiam a ser mais adaptativas a ''mudanças''. Ou seja, os esquerdopatas acham que serão capazes de sobreviver e se adequar em sociedades dominadas por muçulmanos por exemplo, por isso eles querem apressar as mudanças culturais.
Eu continuo pensando que o racional não pode caminhar com o natural. Racionalidade é um traço totalmente humano, mas os humanos são fruto da biologia oriunda da natureza obviamente. Como resultado os esquerdopatas agem de acordo com a sua natureza, assim como outros grupos também fazem o mesmo.
Se pararmos para pensar, eles são inferiores a nós que temos o poder de decidir nossas atitudes e pensamentos, eles não, estão totalmente entregues a ''síndrome de Estocolmo'' e nenhum argumento ou até mesmo prova, dos mais contundentes conseguirão tirá-los deste transe.
Assim como os conservadores extremistas tem uma natureza autoritária eles também tem.

AF disse...

Eu havia dito no começo que nunca vi um exemplo de um esquerdista com uma postura mais realista do que muitos conservadores, mas nem pensei nesse caso, depois que o Ânderson falou é que me lembrei do caso que conheço também, do blog de um esquerdista totalmente anti-islâmico.

Mas como falado, é algo raríssimo mesmo no meio da esquerda e pessoas assim seriam fatalmente esculachados entre os esquerdistas.

Podemos até parabenizar alguns pouquíssimos esquerdistas por certas posturas anti-islâmicas, mas sermos firmes em relação à crítica da postura esquerdista e lembrar que eles são uma minoria... não fazendo iguais muitos esquerdistas que adoram pegar pequenos casos e generalizarem como provas irrefutáveis que o homem é branco Ocidental cristão é “mal / racista / homofóbico / extremista-de-extrema-direita”.

Anônimo disse...

"Desconhecido" (*qual o problema de jogar um nick ou um nome qualquer? Ajuda no bate-papo, gosto de saber com quem eu estou falando, mesmo se for um personagem de SCI-FI),

Vc disse ao AF:

"não tente usar a razão para entender essas pessoas obscuras. Bem, a única forma racional de entender essas atitudes totalmente sem pé nem cabeça é que, eles, não os esquerdistas, mas os seus mestres, almejam destruir a civilização, criar um ''novo mundo''."


Da mesma forma que não podemos entender tudo racionalmente sobre as coisas do espírito, temos ao menos que INTUIR que, no final, o que essas 'criaturas obscuras' pretendem é SUBSTITUIR (primeiro SUBTRAINDO, ATOMIZANDO, DESQUALIFICANDO) o Cristianismo (e TUUUUUDO o que se produziu graças a essa religião, inclusive o exercício da RAZÃO, que ao longo da História nunca deixou de se desenvolver, INOVANDO-SE e DIVERSIFICANDO o pensamento humano; fora a PRODUÇÃO DE FRUTOS SUCULENTOS através da filosofia cristã e a prática da espiritualidade superior, geradora de VIDAS SANTIFICADAS- que nos servem de farol na escuridão desse mundo caído- que até hoje desafiam a moralidade das sociedades dos bonobos e golfinhos).

Não é coincidência que coisas tão díspares como casamento-gay, cotas-raciais, feminismo, islam, ecologia e etcs mil, acabam se AFUNILANDO no processo de destruição da sociedade, acabando todos na porta da Igreja.

O que eu fico besta de ver é como pessoas ditas inteligentes e instruídas NÃO conseguem perceber que deve haver algo de MUITO BOM numa "coisa" (no caso a religião e, claro, sua Instituição milenar) que só sabe PROVOCAR CHILIQUES HISTÉRICOS e AFRONTAR ideias e ações que não tem nem pé nem cabeça, adeptas da mais pura e intransigente BRUTALIDADE moral e intelectual.

Me repetindo: "Acredito sinceramente que deve haver algo que ainda possa ser aproveitado dos escritos antigos dos principais ícones do socialismo, né possível... Algo que na época não se levou em conta, sei lá. Deus dotou a todos de capacidades intelectuais. Alguns simplesmente (e infelizmente) deram muita tréla às seduções do tinhoso (que acabou sendo "destituído" do seu "troninho espiritual temporário", fazendo com que a humanidade perplexa deixasse de crer nele e tomasse ÓDIO ETERNO contra si mesma). Sempre desconfiei que o Comunismo (ou socialismo e ramificações) era uma espécie de Keyser Soze, só que mais parrudo e muito mais esperto"


O PRINCIPAL PROBLEMA com esquerdistas (eu prefiro mesmo o termo REVOLUCIONÁRIOS, agrega mais gente, é anti-preconceituosa Rssss |¬)) é esse ódio eterno contra si mesmo, gerando a curto e médio prazo, uma espécie de esquizofrenia (provinda desse 'delírio de interpretação' SOBRE OS FATOS E SUAS CAUSAS E EFEITOS, sim, mas tb por um sentimento de INUTILIDADE, de FRUSTRAÇÃO INCAPACITANTE), que acaba fazendo com que o sujeito imbuído dessa confusão demoníaca (sem aspas) interna, tenha que criar uma espécie de "SEGUNDA REALIDADE"(hipnótica), onde eu posso "SALVAR" o mundo (salvando na carona a minha "REPUTAÇÃO PERDIDA" por esse ódio contra a humanidade que reflete em mim a imagem da desolação e do desespero).

Admito que sair disso não é tarefa das mais fáceis de se superar.

Uma vez contaminado pelo vírus da mentalidade revolucionária (que os movimentos políticos e ideológicos à esquerda MONOPOLIZARAM ao longo do tempo), o processo de "libertação" será por demais doloroso.

Nem todo mundo consegue e aceita viver sem um braço ou uma perna.
|¬)


Não é à toa que o ORGULHO é a base de todos os pecados descritos; e é o preferido tb do Keyser Soze.

Brancaleone, Fronteira Norte da República do Sul disse...

Mr X:
Pesquise por aí mas por aqui vai ter o Bolsa Maconha.
O governo vai dar um cartão pra viciadão pagar o tratamento...

E o imbecil aqui pagando imposto...

Anônimo disse...

Espero que não confundam minhas percepções sobre os acontecimentos que nos flertam, nos afetam e nos moldam, com proselitismo religioso barato (coisa que a militância ateísta- coincidentemente composta na sua maioria por esquerdistas, hedonistas, liberais & progressistas de fachada- nunca cansa de fazer)



Anderson silva


PS: O comentário ref. ao desconhecido (que se referiu ao AF) acima é meu. Sorry.

Autor Desconhecido disse...

''Da mesma forma que não podemos entender tudo racionalmente sobre as coisas do espírito, temos ao menos que INTUIR que, no final, o que essas 'criaturas obscuras' pretendem é SUBSTITUIR (primeiro SUBTRAINDO, ATOMIZANDO, DESQUALIFICANDO) o Cristianismo (e TUUUUUDO o que se produziu graças a essa religião, inclusive o exercício da RAZÃO, que ao longo da História nunca deixou de se desenvolver, INOVANDO-SE e DIVERSIFICANDO o pensamento humano; fora a PRODUÇÃO DE FRUTOS SUCULENTOS através da filosofia cristã e a prática da espiritualidade superior, geradora de VIDAS SANTIFICADAS- que nos servem de farol na escuridão desse mundo caído- que até hoje desafiam a moralidade das sociedades dos bonobos e golfinhos).''

Anderson,
eu não sou um defensor voraz do cristianismo, só uso ou tento usar pretensiosamente a razão para entender as coisas e no caso do mesmo, acredito que tenha feito coisas boas e ruins, como tudo. Eu não sei se posso tentar correlacionar diretamente a evolução do pensamento racional e científico com a religião e especificamente com a religião cristã, é um bocado complexo e ambíguo avaliar essa relação de maneira linear visto que a mesma não apresenta esta natureza. Ao longo da história da civilização ocidental, a religião apresentou períodos de tolerância e intolerância com as descobertas científicas, contribuiu para avançá-la e ao mesmo tempo brecá-la. Tudo, ao que me parece, tem dependido do sabor das questões políticas de cada era e do pensamento tribal clássico ''será bom pra nós??'' tal como muitos acusam os judeus de fazer. De fato, eles fazem, mas não são os únicos.
Eu não concordo com você que nem tudo possa ser avaliada de maneira racional, acho que, até mesmo a própria espiritualidade poderia ser. Assim, a sua mitologia até poderia ser substituída por alguma forma de pensamento ''mais pé no chão''. Porém, acho que desde que o mundo é mundo o ser humano tem buscado respostas para os muitos mistérios da vida e como resultado talvez possa inferir que a mitologia é a mãe da razão e não pode ser totalmente descartada.

Autor Desconhecido disse...

''Não é coincidência que coisas tão díspares como casamento-gay, cotas-raciais, feminismo, islam, ecologia e etcs mil, acabam se AFUNILANDO no processo de destruição da sociedade, acabando todos na porta da Igreja.''

Olha Anderson, nesses últimos meses eu tenho tentado botar a emoção um pouco de lado e avaliar de maneira mais justa a visão ''do outro lado''. É evidente que na maioria das ideias existe sempre o lado bom e ruim, portanto, mais uma vez, é complicado para mim concluir que esses ditames da modernidade são única e exclusivamente maléficos à sociedade.
Os seus malefícios não se encontram em suas epidermes primárias, que conseguimos ver a olho nu, mas justamente aquilo que não ''podemos'' ver sem buscarmos sair do discurso oficial. Por exemplo, me parece evidente que o casamento gay é usado como uma distração criada pela mídia e demais tentáculos do sistema, com o intuito de focar a atenção das massas a essa discussão, diga-se inútil e besta, para que por de trás das cortinas se tomem as decisões mais importantes. Discutir o que uma pessoa pode fazer mediante o teu direito a individualidade e liberdade debaixo de quatro paredes é o fim da picada, sem querer fazer um trocadilho, mas já fazendo...
Agora, cada assunto que listou apresenta as suas nuances exclusivas e sim, são díspares tal como o islam e o feminismo, porém segundo a minha opinião, todos tem a sua lógica. Talvez os multiculturalistas queiram importar as massas muçulmanas porque elas são muito mais coletivistas e estúpidas para lutar pelos seus direitos,afinal, na maioria dessas nações estes simplesmente não existem, o único direito do indivíduo nessas sociedades bipolarmente governadas pela política e pela religião é o de seguir a linha. Além de importar imigrantes de baixo qi, é provável que as elites queiram também iniciar um processo de des-endogamização, visto que as sociedades mais endogâmicas são também mais tribalistas do que as exogâmicas. O perfeito gado novo.

Autor Desconhecido disse...

''O que eu fico besta de ver é como pessoas ditas inteligentes e instruídas NÃO conseguem perceber que deve haver algo de MUITO BOM numa "coisa" (no caso a religião e, claro, sua Instituição milenar) que só sabe PROVOCAR CHILIQUES HISTÉRICOS e AFRONTAR ideias e ações que não tem nem pé nem cabeça, adeptas da mais pura e intransigente BRUTALIDADE moral e intelectual.''

Anderson,
agora não entendi muito bem onde quer chegar, olha...
Vou me citar como exemplo.
Eu tenho buscado entender a religião e o que ela tem feito de bom ao longo da história humana. É evidente que ''a religião'' é um ser inanimado, uma instituição milenar como disse, criada por homens visando compilar suas crenças e mitologias em uma maneira de viver. A religião mediante o seu conceito mais puro, não é problemática, muito pelo contrário, problemático é o ser humano e sua vontade quase impossível de evitar, de tentar impor aos outros a sua maneira de pensar. Com certeza este, é o maior dilema de todos nós, talvez o mundo se torne um lugar melhor se todos tiverem os seus clones para conviver e se entender.
Eu não acho que discordar das regras e pensamentos que as religiões, seguindo essa lógica de ''personalidade autoritária'', clássica e epidêmica do ser humano, sejam somente ''chiliques histéricos''. Lembre-se, muitos dos ateístas e agnósticos liberais que vemos na mídia são na verdade as massas de idiotas úteis.
Eu não vejo problemas de ateus e agnósticos se entenderem com religiosos, mas definitivamente é bastante complicado encontrar maneiras de evitar esses choques.

Autor Desconhecido disse...

''Me repetindo: "Acredito sinceramente que deve haver algo que ainda possa ser aproveitado dos escritos antigos dos principais ícones do socialismo, né possível... Algo que na época não se levou em conta, sei lá. Deus dotou a todos de capacidades intelectuais. Alguns simplesmente (e infelizmente) deram muita tréla às seduções do tinhoso (que acabou sendo "destituído" do seu "troninho espiritual temporário", fazendo com que a humanidade perplexa deixasse de crer nele e tomasse ÓDIO ETERNO contra si mesma). Sempre desconfiei que o Comunismo (ou socialismo e ramificações) era uma espécie de Keyser Soze, só que mais parrudo e muito mais esperto"

Anderson,
eu penso que não importa muito a religião que se segue, mas se acredita ou não em ''algo superior''. Os ateus apresentam uma falha grave em suas crenças, eles simplesmente não conseguem e não podem por razões bem óbvias, racionalizar os maiores mistérios do ou dos universos. Por exemplo, eles podem conceber com facilidade que este universo (devem existir muitos outros) é fruto da grande expansão, denominada Big Bang, mas não podem e nem tentam se aproximar da questão: '' o que existia antes da concentração de luz do tamanho da cabeça de uma alfinete???''
Pq isso aconteceu??
E concluo que ao menos no nosso planeta, somos os únicos animais que paramos para pensar nisso. Não só temos consciência de que existimos, como os outros animais, também temos consciência de inúmeras outras possibilidades, graças ao nosso intelecto formidável e extremamente raro (diga-se, mesmo entre nós). O ateísmo perde completamente a sua capacidade de se validar a partir do momento em que o inimaginável se torna possível de se questionar.
Eu concluo, ao menos para mim, a religião é um detalhe nessa complexa rede de pensamentos.

Autor Desconhecido disse...

''O PRINCIPAL PROBLEMA com esquerdistas (eu prefiro mesmo o termo REVOLUCIONÁRIOS, agrega mais gente, é anti-preconceituosa Rssss |¬)) é esse ódio eterno contra si mesmo, gerando a curto e médio prazo, uma espécie de esquizofrenia (provinda desse 'delírio de interpretação' SOBRE OS FATOS E SUAS CAUSAS E EFEITOS, sim, mas tb por um sentimento de INUTILIDADE, de FRUSTRAÇÃO INCAPACITANTE), que acaba fazendo com que o sujeito imbuído dessa confusão demoníaca (sem aspas) interna, tenha que criar uma espécie de "SEGUNDA REALIDADE"(hipnótica), onde eu posso "SALVAR" o mundo (salvando na carona a minha "REPUTAÇÃO PERDIDA" por esse ódio contra a humanidade que reflete em mim a imagem da desolação e do desespero).''

Na verdade, nem todos os esquerdistas são ruins, claro, existem aqueles que querem se passar pretensiosamente por inteligentes e isso irrita, pq, não sei quanto a vc, mas eu vejo cada erro e equívoco que cometem e fico injuriado em saber que as pessoas preferirão ouví-los do que a mim, acho que estou sendo autoritário agora,kkk.
Mas existe algo que não sei se vc percebeu, mas o esquerdismo é praticamente uma religião. A discussão principal não é, ateu e agnóstico versus religioso, mas anti-religião religiosa e dogmática versus religião. Os esquerdistas tem uma fé, uma crença e querem conquistar os corações dos religiosos com a sua religião da mediocridade.

Brancaleone, Fronteira Norte da República do Sul disse...

''Da mesma forma que não podemos entender tudo racionalmente sobre as coisas do espírito, temos ao menos que INTUIR que, no final, o que essas 'criaturas obscuras' pretendem é SUBSTITUIR (primeiro SUBTRAINDO, ATOMIZANDO, DESQUALIFICANDO) o Cristianismo (e TUUUUUDO o que se produziu graças a essa religião, inclusive o exercício da RAZÃO, que ao longo da História nunca deixou de se desenvolver, INOVANDO-SE e DIVERSIFICANDO o pensamento humano; fora a PRODUÇÃO DE FRUTOS SUCULENTOS através da filosofia cristã e a prática da espiritualidade superior, geradora de VIDAS SANTIFICADAS- que nos servem de farol na escuridão desse mundo caído- que até hoje desafiam a moralidade das sociedades dos bonobos e golfinhos).''


Cara!!! O que é que voces andam fumando??? Onde tem pra comprar???

Brancaleone, Fronteira Norte da República do Sul disse...

Esquerdas? Marxistas?
Convenhamos que Marx era uma besta. Tivesse ele lido Darwin ou qualquer outro livrequinho de biologia ou zoologia teria percebido que as idéias comunistas são absolutamente impossíveis. Não existe forma de vida naturalmente comunista.

O mais perto que se chega ao comunismo são com formigas e cupins - o que não se estranha se considerarmos que estes bichinhos tem cérebros bem pequenos, donde se conclui que idéias comunistas são bem recebidas e até necessárias para mentes pequenas...

AF disse...

Autor Desconhecido,

não tente usar a razão para entender essas pessoas obscuras.

Que nada. Uma das coisas que aprende é que nunca em um debate a gente pode falar: "Eu uso a razão, você a emoção". A gente usa evidências e fatos para entender essas pessoas e não a razão.

Quem diz que "usa a razão" são eles, sendo que razão é algo criado pelo ser humano, pode ser manipulado e moldado. Quem diz que está com razão só porque acredita em algo (principalmente MUITOS humanistas e neoateus) está vindo com charlatamismo. Acreditar ou não em algo não torna ninguém mais inseguro do que o outro.

Sempre fique atento com essa falácia que o Luciano Ayan a refuta: http://lucianoayan.com/2012/02/02/rotina-dono-da-razao/

Outra coisa que eu li, sinceramente achei meio estranho, mas para alguns deles pode servir... as pessoas com tendências ''liberais'' tenderiam a ser mais adaptativas a ''mudanças''. Ou seja, os esquerdopatas acham que serão capazes de sobreviver e se adequar em sociedades dominadas por muçulmanos por exemplo, por isso eles querem apressar as mudanças culturais.

Autor Desconhecido, essa das pessoas liberais sobreviverem a sociedades mulçumanas, foi baseado em quê, que esse artigo falou?

Não acredito que sobreviveriam. Talvez, quem escreveu isso, pensou que pelos liberais pensarem "cada um na sua", eles possam, em teoria sobreviver, mas não é bem assim.

Numa sociedade islâmica mesmo, você é chamado 5 vezes por dia para fazer preces em mesquistas e se você não for, já estranham você e podem ameaçá-lo.

Outra coisa também: lembra do ateu Daniel Fraga, que já mencionei aqui que diz barbaridades sobre os cristãos, promove aborto, homossexualismo e outras coisas esquerdistas?

Ele é libertário e os libertários podem até fazer uma crítica à esquerda aqui e ali, mas de que adianta isso se no fundo promovem muita coisa que o esquerdismo apoia e usa como estratégia para destruir o cristianismo?

Veja esse excelente texto do Luciano Ayan em que ele refuta um liberal e cita várias citações absurdas dos liberais "santinhos".

Muitos libertários tem atos semelhantes e descem mais a lenha nos conservadores e cristãos do que a própria esquerda e até pior do que muitos esquerdistas. Há um texto no Von Mises, pedindo a união de libertários e conservadores e lá, há a mesma coisa: libertários descendo a lenha nos conservadores, como sempre e eles são os certos e santos, pois temos que aceitar muita coisa que a esquerda simplesmente AMA.

Libertários e conservadores são como óleo e água: não se misturam mesmo, e como disse o Luciano Ayan, neste outro excelente texto, os libertários, por seu apoio a muitas práticas coisas que os esquerdistas amam e ojeriza à religião tradicional, são é idiotas úteis da esquerda.

Autor Desconhecido disse...

''Que nada. Uma das coisas que aprende é que nunca em um debate a gente pode falar: "Eu uso a razão, você a emoção". A gente usa evidências e fatos para entender essas pessoas e não a razão.''

Af,
acho que a palavra ''nunca'' é inapropriada em uma discussão, tudo pode ser possível. Eu acho que o que existe aqui é que a maioria das pessoas tem muita dificuldade de manipular a bel prazer o conceito das palavras. Quer dizer, como não foram elas que pensaram ou mesmo pensam nessas palavras de maneira mais ''abstrata'' porém realista, tendem sempre a escolher lados, que é a maneira mais fácil de debater. O ser humano comum inconscientemente conclui que sobrevive melhor numa ''luta'' seja armada ou verbal, em grupo, por isso e também pela baixa capacidade de manipulação que eles não podem arriscar e escolhem o lado que acham o melhor. Alguns destes da massa, mais espertos, escolhem os discursos mais racionais, de acordo com o nível dos debates.


''Quem diz que "usa a razão" são eles, sendo que razão é algo criado pelo ser humano, pode ser manipulado e moldado. Quem diz que está com razão só porque acredita em algo (principalmente MUITOS humanistas e neoateus) está vindo com charlatamismo. Acreditar ou não em algo não torna ninguém mais inseguro do que o outro.''

Eles dizem que usam da razão, em partes isso é verdade. Em parte, pq na maioria das vezes eles acabam fazendo o mesmo discurso religioso dogmático que os seus adversários fazem.
Razão não é um termo mecânico, rígido, pelo contrário, ele é bastante maleável e muda consistentemente, eu entendo razão como o melhor e mais neutro (científico) argumento que um indivíduo pode ser capaz de desenvolver. O que eles fazem é roubar o termo e dar lhe uma natureza política e pseudo moral, logo, eles destroem (como sempre) o significado puro do termo para usá-lo como arma contra os religiosos. Os esquerdistas estão longe de serem gênios, mas são muito melhores nesta arte do que os conservadores, estes se conservam até em suas próprias ideias e o mundo gira.

''Sempre fique atento com essa falácia que o Luciano Ayan a refuta: http://lucianoayan.com/2012/02/02/rotina-dono-da-razao/''

Não acho que seja uma falácia. Um debate é como uma cadeia alimentar, o plâncton é comido por peixes que são comidos por tubarões que são comidos por japoneses de classe alta num bairro sofisticado de Tóquio. Ou seja, se um religioso usa sempre uma metodologia dogmática e religiosa, amplamente centrada na mitologia bíblica, o ''liberal'' esquerdista pretensioso, usa a racionalidade simplificada para dizer que mitos não são fatos, quando estes não -estão- provados. Só que o debate não termina por aí. Em termos abstratos de racionalidade os esquerdistas vencem com certa facilidade os conservadores clássicos, porém em termos de racionalidade biológica baseada na melhor maneira de sobrevivência e distribuição ampla dos genes (dizem alguns que isso é a coisa mais importante que seres vivos fazem), os conservadores estão completamente com a razão. No campo mais subjetivo das ideias abstratas, que só servem em debates sem fins práticos, os esquerdistas vencem, mas na realidade os conservadores já provaram que o seu método darwiniano é a melhor e mais segura escolha bio evolutiva.

Autor Desconhecido disse...

''Autor Desconhecido, essa das pessoas liberais sobreviverem a sociedades mulçumanas, foi baseado em quê, que esse artigo falou?''

Eu citei como exemplo, meio um chute, mas na verdade eu tenho tentado pensar o porquê dos esquerdistas não serem racionais, quer dizer ponderar quanto a suas ações e escolhas e buscar a melhor solução e a única conclusão mais provável que cheguei é que, eles não fazem isso pq pensam, mas pq agem de acordo com sua natureza. Eu li de relance, que para subgrupos da raça branca, esta seria o próximo passo evolutivo. O altruísmo elevado, também conhecido como domesticação em nível avançado, provoca este tipo de comportamento que parece auto destrutivo visto sob uma perspectiva neutra, mas para eles, isto é somente como suas mentes pensam e desejam. Cada vez mais me dou conta que o ambiente tem um papel muito fraco em nossas mentes, já nascemos programados para sermos assim ou assado,os tais ''efeitos ambientais'' nada mais seriam que predisposição genética. Alguns de nossos traços genéticos já são fixos desde o nascimento enquanto outros são prováveis de se expressarem ao longo de nossas vidas.
Tenho tirado essas conclusões do site neuropolitics, tem alguns estudos bastantes interessantes sobre as diferenças entre conservadores e liberais, nos EUA.
Ao que parece, os esquerdistas são um grupo dócil, amansado, eles aceitam e aderem melhor a comportamentos novos, claro em comparação às suas respectivas realidades sócio individuais. Por isso, se a Europa caminhar para uma islamização, os esquerdistas seriam os primeiros a abraçar a nova ordem.


''Não acredito que sobreviveriam. Talvez, quem escreveu isso, pensou que pelos liberais pensarem "cada um na sua", eles possam, em teoria sobreviver, mas não é bem assim.''

Bem, depende de como descreve o termo sobreviver. Os neanderthais por exemplo, 'sobreviveram' sob forma de expressão genética e alguns traços que aparecem nas populações não-africanas. Os brancos brasileiros tem ''sobrevivido'' sob a mesma forma, enquanto uma realidade racial eles estão desaparecendo, porém os seus genes estão espalhados para toda a população, até onde isso é bom ou não eu não sei. Acho que analisando biologicamente talvez seja bom, mas individualmente não consigo ver os ''europeus disfarçados'' que me rodeiam como irmãos de sangue.

''Numa sociedade islâmica mesmo, você é chamado 5 vezes por dia para fazer preces em mesquistas e se você não for, já estranham você e podem ameaçá-lo.''

Acho que os esquerdistas se adaptariam a isso. No mais, eu vejo que o islam está passando por um cisma forte, uma fenda cada vez mais profunda está se abrindo para os muçulmanos seculares e os conservadores.

Autor Desconhecido disse...

''Outra coisa também: lembra do ateu Daniel Fraga, que já mencionei aqui que diz barbaridades sobre os cristãos, promove aborto, homossexualismo e outras coisas esquerdistas?
Ele é libertário e os libertários podem até fazer uma crítica à esquerda aqui e ali, mas de que adianta isso se no fundo promovem muita coisa que o esquerdismo apoia e usa como estratégia para destruir o cristianismo?''

Os libertários seriam a tréplica dos ''liberais''. Quer dizer, eles conservam determinados aspectos das ideias esquerdistas enquanto que promovem novas maneiras de se pensar. Ambos almejam sociedades extremamente perfeitas, onde somente pessoas extremamente perfeitas e inteligentes poderiam ser possíveis de viver. Em outras palavras, são exageros, mania de grandeza e que peca enormemente quando desprezam categoricamente as ciências naturais. Se fosse um político conservador faria de tudo para introduzir as ciências naturais no currículo filosófico da causa, antes que os esquerdistas se vejam obrigados a fazê-lo primeiro, porque se conseguirem jogar fora determinadas ideias lixo que complicam o desenrolar de suas propostas futuras, então o conservadorismo poderá caminhar decisivamente para a sua extinção enquanto realidade alternativa e biologicamente racional do esquerdismo e suas metástases.
Af,
eu devo ser um pouco ''libertário'', sou a favor de que as pessoas tenham o direito de fazer aquilo que elas quiserem, claro, de acordo com um julgamento racional indumentado. Eu tento entender quando escuto críticas de conservadores a certos aspectos do esquerdismo que eu sou mais favorável.
Eu não defendo a homossexualidade, por exemplo, defendo o direito de qualquer um de querer fazer o que quiser de sua vida, desde que não afete os demais a sua volta. Eu não defendo a causa homossexual como nenhuma outra causa porque isso é ser ideologicamente e politicamente comprometido, tal como a maioria dos esquerdistas são. Não é que a maioria deles gostem de gays ou negros, é que eles são úteis para fazer avançar a sua agenda política, que no final poderá ser individualmente benéficas.


Veja esse excelente texto do Luciano Ayan em que ele refuta um liberal e cita várias citações absurdas dos liberais "santinhos".

Autor Desconhecido disse...

''Muitos libertários tem atos semelhantes e descem mais a lenha nos conservadores e cristãos do que a própria esquerda e até pior do que muitos esquerdistas. Há um texto no Von Mises, pedindo a união de libertários e conservadores e lá, há a mesma coisa: libertários descendo a lenha nos conservadores, como sempre e eles são os certos e santos, pois temos que aceitar muita coisa que a esquerda simplesmente AMA.''

Se eles pensam que os conservadores ''devem aceitar'' ou seja, devem ser obrigados a fazer aquilo que não querem então estão fugindo da ideia mais central de sua ideologia, a liberdade. Acho que no futuro, o mundo ocidental será completamente dividido em tribos, étnicas, raciais, morais, comportamentais, ideológicas... O nosso futuro evolutivo é a individualidade, talvez a ideia de ''diversidade'', no seu sentido real, não pareça tão sem pé assim no Ocidente, ainda civilizado.

''Libertários e conservadores são como óleo e água: não se misturam mesmo, e como disse o Luciano Ayan, neste outro excelente texto, os libertários, por seu apoio a muitas práticas coisas que os esquerdistas amam e ojeriza à religião tradicional, são é idiotas úteis da esquerda.''

Bem, segundo o neuropolitics, os conservadores tem uma tendência forte para isso mesmo, para dividir de maneira clara quem é da tribo e quem não é.
Eu já não penso assim. Incrível como adultos do mundo civilizado, provavelmente mais inteligentes que a média, possam ser tão infantis.
Eu sou do tipo que penso que, um defensor da raça branca possa conviver com um defensor da raça negra, um padre possa ''lecionar'' uma missa para um grupo de homossexuais. Tudo poderia ser possível se as pessoas entendessem onde começa os seus deveres (RESPEITO) e termina os nossos direitos. No final, ''fizemos'' tudo de errado, misturamos política, com moral, sendo a primeira amoral, com religião e ideologia. Só poderia dar numa barrenta merda...

Autor Desconhecido disse...

http://esquerdopata.blogspot.com.br/

Um esquerdopata consciente, consciente que é um psicopata.

Autor Desconhecido disse...

Para o Direita com carinho

http://aryanism.net/politics/population-and-demographics/