segunda-feira, 18 de junho de 2018

Notas da Copa

A Itália está fora da Copa, mas conseguiu desviar um gol ao mandar para a Espanha um navio de refugiados. Agora só falta cumprir a promessa de expelir meio milhão de africanos. Será que conseguirá? Bem que podiam expelir junto o Balotelli, por sinal.

Os favoritos começaram mal. A Alemanha perdeu para o México, a Argentina empatou com a Islândia, e o Brasil com a Suiça. Por enquanto, os melhores são Espanha e Portugal.

Os times europeus parecem estar menos mistos do que em outros anos, ou será impressão? Os jogadores da Islândia e Suécia são quase todos brancos. Até o time francês tem três brancos, o que parece ser um recorde recente.

É curioso como o futebol consome tanto a energia dos brancos europeus. Quem dera tivessem a mesma energia para protestar contra a destruição de seus países.

Brasileiros para variar causando vergonha no exterior com o "típico humor brasileiro". Como disse alguém, e o pior é que esta gente procria.

Enfim, a Copa do Mundo é apenas um circo globalista, e portanto não acho que valha a pena tanto sua discussão. Eu mesmo estou achando-a este ano menos divertida do que em anos anteriores, mas nunca fui muito fão de futebol. Mas parece-me que as pessoas em geral parecem menos entusiasmadas, mesmo os proles mais amantes do ludopédio.

O tal do "pão e circo" só funciona quando tem bastante pão?


27 comentários:

Marcelo disse...

A brincadeira da b** rosa foi bem divertida. Os europeus também fazem o mesmo. Espero que procriem com a Rússia.

Anônimo disse...

Acho que essa geração criada em apartamento não gosta tanto de futebol assim.

Amuguinho disse...

Deus do céu, este CALANGO acima....

O seu blog vai de mal a pior, me desculpe...

Pena que não pode caçar pobrestinos...

Amuguinho disse...

Futebol é coisa de seres inferiores

testosterona não é a verdade

mas você escreve essa farofada quer atrair quem* Os seus amigos do seu meio* Impossible...

Não restam dúvidas que uma eugenia perfeita inevitavelmente precisa exterminar o ''conservoide'' inútil, não interessa sequer o ''qi'', já que é o tipo inferior em consciência que predomina e se esparrama por este belo planeta como gafanhotos no cio.

Não é preciso desejar o mesmo para as anêmonas adestradas da esquerda já que fazem o favor de não peidarem, e por isso investem na manipulação ideológica massiva como estratégia compensatória e diga-se, bem mais eficiente em termos de controle cultural.

O peido pela braquicefalia bronzeada acima fez a continha de dois e dois: se eles fazem, então noix phodemo...

DESGracinha do infernx!!

Amuguinho disse...

Na cabeça grande porém vazia do mestiçoide estragado a beleza das loiras e demais tipas russas continuará mesmo se o zé paraíba [e os ''amidos'' homi qué homi] resolver procriar, vai sim, vai nascer com um bombril dourado e essa sua cara feia de formiga mutante, sem falar na misturança de traços de personalidade, uma digimon cearense.

Anônimo disse...

Essa notícia da russa cantando foi idiota e sensacionalista. Afinal de contas, para uma feminista, qual o problema de cantar um verso daquele? Eu entendo que alguém que seja moralmente conservador ache que foi uma brincadeira de muito mau gosto, mas um esquerdista? Por que esse papo de "objetificação"?

Anônimo disse...

Destaque para essa frase:

" uma vez que, ao glorificar a cor da moça, implica-se que outros tons de pele são inferiores." (em referência à b*** rosinha)

Sério?? Racismo?? Que bobagemmmmmm...

Mr X disse...

Achei a "brincadeira" tola e de mau gosto, mas também não é nada tão de mais assim, coisa de bêbado que se esqueceria logo. O problema é que hoje com as tais "redes sociais" tudo se multiplica. As "redes sociais" transformaram o mundo em um 1984, mesmo. Todo mundo espiando e denunciando todo mundo.

Torcedores europeus também podem ser vulgares, mas acho que menos do que brasileiros, ao menos nesse tipo de brincadeira com mulheres. Eles preferem destruir propriedade e xingar outros torcedores.

Mr X disse...

Enquanto isso na Suécia, "tiroteios de gangues se tornam mais comuns". Vikings???

https://www.reuters.com/article/us-sweden-shooting-sealed/three-men-killed-in-gang-related-shooting-in-southern-sweden-idUSKBN1JE2KH

Anônimo disse...

Eu também acho de mau gosto, mas veja o tuíte da tal Maria do Rosário. Ela não é o ícone do feminismo político? A mulherada não sai na tal marcha das vadias com cartazes com vaginas desenhadas? Não saem fantasiadas de vulvas gigantes? Não dizem que a mulher deve ser totalmente desinibida sexualmente?

Mr X disse...

"Não dizem que a mulher deve ser totalmente desinibida sexualmente?"

Pois é. Este é um tuíte de uma jovem professora assistente de Cambridge. Deve ter apoiado a cantoria:


https://twitter.com/vnbateman/status/1006631063693807616/photo/1

Moçx russx disse...

"Acho" que "as" mulheres querem ter o direito de se vestirem da maneira como quiserem ...tal como acontece com os homens, sem com isso esperarem por insinuações explícitas.

Direito de fazer "o que quiser" e não ser condenada =\= ser humilhado por macaquitos com retardo mental.

E se fosse a sua irmã? A sua filha? A sua mãe?

Incrível como não conseguem compreender a empatia, parece a coisa mais fácil do mundo...

Empacamos nesta lama de sempre porque o básico a maioria não parece ser capaz de entender.

Mr X disse...

"querem ter o direito de se vestirem da maneira como quiserem ...tal como acontece com os homens, sem com isso esperarem por insinuações explícitas."

Como sempre, elas querem coisas contraditórias...
Mas no caso da moça russa, não achei que estivesse vestida de forma tão vulgar.
No mais, as mulheres também sabem fazer insinuações explícitas para os homens, baste ver o que andaram falando no Foice sobre o goleiro da Dinamarca e outros tais.

Direita disse...

"Os times europeus parecem estar menos mistos do que em outros anos, ou será impressão? Os jogadores da Islândia e Suécia são quase todos brancos. Até o time francês tem três brancos, o que parece ser um recorde recente. "

Na verdade , os times europeus eram mais brancos em 2014 . Contando titulares e reservas , inglaterra,espanha,alemanha e frança tinham quase que o dobro de brancos.

Queria eu saber donde sairam esses jogadores "alemaes" com cara de cearense(jonas hector), paraibano (kimmich) , turco(Marvin Plattenhardt) , hapa(draxler)!?

Amuguinho disse...

''Como sempre, elas querem coisas contraditórias...
Mas no caso da moça russa, não achei que estivesse vestida de forma tão vulgar.
No mais, as mulheres também sabem fazer insinuações explícitas para os homens, baste ver o que andaram falando no Foice sobre o goleiro da Dinamarca e outros tais.''

Não é contraditório, é falta de conhecimento básico em psicologia evolutiva ou biológica. Mas, elas ainda não estão de todo erradas porque a sociedade, em termos de regras sociais, tem a mão mais pesada na mulher, em alguns aspectos, e por sua vez, a mulher é mais sensível à elas.

No caso da moça russa, nem isso, esses macacos despigmentados representam o grosso das zelites econônicas do vrasil, salvando as exceções, tendem a ser isso aí mesmo. O que mais me choca são as nulheres que escolhem isso como marido, parece que não tem amor próprio ou tem faro canino para dinheiro.

Direita disse...

Exato! O video da "buceta rosa" é o reflexo do relativismo moral, do liberalismo sexual que sao agendas progressistas/feministas.

Em uma sociedade conservadora/ machista voce nao veria tal comportamento presente na sociedade.


Em um sociedade machista/conservadora a sexualidade feminina é quase que sagrada , restrita ao casamento .

El Misionero Meu Cérebro Minhas Regras disse...

Tanto nesse vídeo, como em outros, parece que não exatamente homens. São só babacas. Só tem putaria na cabeça. Não é preciso crucificá-los, basta ignorá-los. Mas, com o adento da internet, isso se tornou impossível.

Direita disse...

Ate 2010 abrir porta de carro, pagar conta , sustentar a casa e achar vulgar uma mulher bebendo, fumando e falando palavrao era oque definia machismo. O feminismo lutou contra tudo isso , queriam tratamento igual .Queriam nao mais ser tratado como o sexo fragil etc .Ai esta o resultado , tratamento incluindo as brincadeiras.

Mr X disse...

"achar vulgar uma mulher bebendo, fumando e falando palavrao era oque definia machismo. O feminismo lutou contra tudo isso , queriam tratamento igual"

Existem poucas coisas mais degradantes de se ver do que mulheres muito bêbadas fazendo algazarra em público. Homens bêbados também podem ser grotescos, mas, em mulheres fica pior.

https://www.youtube.com/watch?v=xZyBtz65gFE

https://www.youtube.com/watch?v=uxgpzYIlx08

Amusgo disse...

O direita é tão ingênuo...

É óbvio que o vídeo expressa cruamente o masculinismo. Sociedades machistas o homem pode tudo, e mais, a liberação sexual é exclusiva pra ele. Homem pode trair, cair na putaria, já a sexualidade das empalhadas do lar é "sagrada".

Mr X disse...

Homem pode trair, cair na putaria, já a sexualidade das empalhadas do lar é "sagrada".

Claaaaro, vamos liberar ainda mas a sexualidade das mulheres, e fazê-las copular com africanos e árabes, e depois torná-las mães solteiras sustentadas pelo Estado, que legal!

Amuguinho disse...

''Claaaaro, vamos liberar ainda mas a sexualidade das mulheres, e fazê-las copular com africanos e árabes, e depois torná-las mães solteiras sustentadas pelo Estado, que legal!''

Não quis CONCLUIR isso... a todo momento o problema é a falta de racionalidade, de balança.

Antes o homem fazia isso com as ''vadias''...

Direita disse...

Em uma sociedade machista a relaçao extra conjugal é mau vista , a sexualidade é restrita ao casamento .

Amusgo disse...

Autista.

O problema não é a relação extraconjungal, é a hipocrisia de se tê-la e a empalhada do lar não saber. O ideal meus caros é: Total separação entre reprodução e sexo/relacionamento. Só assim para que os conservos futebolistos alfalfas e betas medíocres não continuarem com o seu "legado" de primitivismo...

Direita disse...

"O problema não é a relação extraconjungal, é a hipocrisia de se tê-la e a empalhada do lar não saber. "


Que é uma consequencia da subversao dos valores morais promovida pelos progressistas.

Voce esta criando um cenario que era praticamente inexistente nas sociedades tradicionais , para em seguida culpar o machismo.

Mr X disse...

É preciso haver um ideal moral. Mesmo que jamais cheguemos nele ou perto dele. Mesmo numa sociedade tradicional, nem todos os homens serão fiéis e nem todas as mulheres serão puras, mas é importante que esses valores ideais existam. Se não existe regra nenhuma, se tudo dá na mesma, então tudo vai ladeira abaixo.

A sexualidade feminina tradicionalmente era policiada, nem tanto pelos homens, como por outras mulheres. Elas perdiam status social sendo consideradas vadias, e portanto poucas se arriscavam. Hoje é o contrário, ser vadia é valorizado, dá status.

Amuguinho disse...

Direita, a que valores se refere, aos judaico-cristãos*