quarta-feira, 30 de abril de 2014

Um possível retorno (e a farsa do mundo continua)

Olá amiguinhos. Tem ainda alguém aí?

Quase um ano depois, estou aqui ainda tentando fazer um blog novo...

Agora finalmente o novo projeto está quase pronto, porém alguns outros inconvenientes pessoais interromperam o caminho. 

No meio tempo, o mundo anda ficando cada vez mais ridículo, o que por vezes me faz sentir falta de ter um lugar onde postar artigos para rir dessa palhaçada toda. Por tanto, por ora, posto aqui mesmo.

No Brasil li que fazem uma bizarra campanha "anti-racismo" com bananas e surge um grupo identificado como g0ys. Sim, escrita com um zero em vez de um o, imagino que para não confundir com a palavra "goy" que para mim sempre significou o termo que alguns judeus usam para identificar os não-judeus. Esses g0ys são outra coisa: "homens que se relacionam entre si mas não se consideram gays", seja lá o que isso quer dizer. (No meu tempo, um mero trejeito das mãos já era sinal claro de viadagem). Entendo que existam homossexuais que agem de forma mais masculina, sem afinar a voz, mas de qualquer jeito, é esquisito.

Já nos EUA, o neo-sovietismo progressista segue a todo vapor. Depois da demissão de Brendan Eich, CEO do Mozilla e co-criador do Firefox por, hã, ter doado míseros 1,000 dólares para uma campanha perfeitamente legal de apoio ao casamento "tradicional" (isto é, à única forma de casamento conhecida por mais de três mil anos de história humana) e da demissão do CEO de outra empresa do Vale do Silício (Github) devido às reclamações de uma pseudo-feminista que tinha tido um bate-boca com a mulher desse mesmo CEO, agora a história da vez é a de Donald Sterling, bilionário judeu dono do time de basquete L.A. Clippers, acusado de "racismo" em uma clara armação.

Vejam vocês, Sterling é tão "racista" que tem uma amante metade negra e metade hispânica (e alguns dizem que também parte filipina), que comanda um time formado majoritariamente por negros. Porém, foi gravado ilegalmente pela própria amante (que seguia ordens do seu advogado, ou talvez de outros tubarões maiores) enquanto pedia a ela para não colocar fotos posando com atletas negros em seu Instagram.

A fofoca do dia é a seguinte: Sterling, que tem 80 anos e por mais Viagra que tome nem sempre pode dar conta do recado, não tinha problema em ter sua namoradinha transando com outros, até mesmo com negros. Porém, após ela ter postado uma foto agarrada em Magic Johnson (que, como todos sabem, tem AIDS há mais de vinte anos), alguns conhecidos de Sterling começaram a comentar. A amante, seguindo ordens do seu advogado, gravou uma conversa no qual tenta coagir o bilionário senil a falar palavras racistas, mas o máximo que conseguiu obter foi a informação de que em Israel tem racismo também.

Obviamente, o tal "racismo" é mera desculpa, tudo cheira a uma grande esquema realizado por alguns outros bilionários que querem por algum motivo ferrar com Sterling, ou tomar controle do seu time de basquete. Assim como na União Soviética, quando uma mera acusação podia mandar alguém para a Sibéria, a acusação de "racismo" ou "homofobia" ou "sexismo" pode acabar com a carreira de qualquer um nos EUA, até mesmo a de milionários ou bilionários. Não é estranho, então, que alguns poderosos estejam começando (começando) a usar isso como arma.

A única coisa estranha, mesmo, é que a maioria do povão leve mesmo a sério essas bobagens de acusações de "racismo" e "homofobia" e "sexismo", e ache que seja por isso mesmo que alguns figurões estão terminando na lama, e ainda aplauda de pé a perda da liberdade de expressão. 

Fico por aqui, mas aguardem novidades, em breve. Ou não.

Abs.

11 comentários:

Fabricio Bastos disse...

É uma lufada de ar fresco a volta do senhor. Numa civilização cada vez mais idiotizada e tomada de loucura suas postagens nos resgata para o senso da realidade mais sã.

Neste blog ou noutro escreva, é um bem ao próximo, estava me rendendo que tivesse ido embora.

Fique nos Sacratíssimos Corações de Jesus e Maria,
Fabricio Bastos

Ricardo DA SILVA LIMA disse...

Seja bem vindo de volta, MR X.

Fiquei satisfeito em saber que, por hora, voltastes ao mundo dos blogues.

Boa sorte na nova jornada.

Atte,

Ricardo.

Ps: Que tal um "volume 02" do seu livro, hein? Eu compraria, com certeza.

Ricardo DA SILVA LIMA disse...

Olá, Mr X, fico satisfeito que tenha voltado à nossa blogosfera tupiniquim.

Espero que este novo "ressurgimento" seja por muitos e muitos anos.

Atte,

Ricardo.

ps: Que tal um "volume 02" do seu livro? Eu compraria, com certeza.

AF disse...

Que bom, Mr. X, que você poderá voltar!!

Tanta coisa aconteceu nesse tempo em que você ficou ausente além dessas: o menor acorrentado no poste aqui no Brasil (em que o pessoal dos direitos humanos se indignou por ser um negro, mesmo ele já tendo passagens pela polícia e ainda por cima ter aprontado de novo dias depois), mais menores assaltando e matando cada vez mais, ataques terroristas, a questão da Crimea, a censura da Rachel Sheherazade promovida pela comunista dona de restaurante caro no Rio, as péssimas atitudes de Obama, a Suécia cada vez mais rumo à ditadura, o PT indo em frente cada vez mais com sua agenda esquerdista, feministas cada vez mais ultrarradicais, mais propostas e leis idiotas no Brasil, o terrível sofrimento de cristãos na Síria, ensino cada vez maior do esquerdismo nas escolas públicas, assassinatos cada vez maiores e horríveis no Brasil e o governo querendo dar mais regalias aos bandidos, ateus fazendo mimimi e atacando o cristianismo como sempre e o islamismo só avançando no Ocidente e muito, muito mais.

A análise que você fez de Sterling foi excelente e não tinha visto por esse ângulo, pois tinha achado que era só mais alguém que disse algo das minorias e a mídia, como sempre linchou a pessoa, coisa que não é muito diferente no Brasil em que racismo é crime inafiançável, mas se você atropelar e matar alguém, você pode ser solto se pagar fiança, como este imbecil bêbado que atropelou e matou uma gestante de oito meses e seu marido.

Sabe aquele tumor maligno que já não tem como mais reverter e só resta esperar e tristemente ver a pessoa morrer? É assim que o Ocidente está... não tem mais jeito.

Anônimo disse...

Puxa, que saudades! Não vá embora!

Ana Beatriz

maisvalia disse...

No aguardo

Anônimo disse...

Monsieur K

E eis que numa de minhas verificações sem esperança por novas postagens, acabo surpreendido por -olha que coisa- uma atualização. Tá aí uma boa surpresa nesses últimos dias.
O Mister voltou, ora porra!

Dom Moleiro disse...

O tempo passa ,mas a bosta continua com o mesmo cheiro .Esse nosso mundinho apodrece em pé sem que ninguém se dê conta .A alienação cresce em progressão geométrica e o discernimento tá mais por baixo que barriga de cobra .
A sua volta é muito bem vinda ,porque é um dos poucos blogueiros que conhece uma coisa chamada ponderação .Estamos inundados de extremistas de esquerda , de direita, de centro , de embaixo e de em cima .Obrigado pela volta .
Abraços

Autor Desconhecido disse...

Bem, os esquerdopatas não estão errados pelo fato de que de fato (repeteco verbal) existem casos reais de racismo, homofobia, gordofobia, ou seja, perseguição sistemática contra indivíduos somente porque eles ''pertencem'' a um determinado grupo, isso é injusto, cruel, pré histórico, coisa de animal. Sim, meu cérebro de 3 anos atrás era neonazi, agora está ''mente livre''. No entanto, é muito na cara que eles usam isso como arma para atingir os seus interesses.
Eu disse algo em algum lugar e vou repetir, o mundo abstrato que os esquerdopatas estão ''propondo'' é improvável de ser entendido pelas massas de qi baixo e na verdade, é incompreensível ''até mesmo'' para os abestalhados de foice.
As abstrações são invenções de gente inteligente e mesmo assim, as multidões de inteligência técnica também são bem fracos neste quesito.

El Misionero Matsuura Junichiro a.k.a. Marcos Freybert disse...

Aleluia!!!! Mr. X voltou!!!! Obrigado, Mr. X por não nos deixar desamparados.

El Misionero Matsuura Junichiro a.k.a. Marcos Freybert disse...

G0ys???? Creio eu que o correto seria g@ys, não é mesmo????